Exportar registro bibliográfico

Hipertextualidade: uma abordagem bakhtiniana sobre relações dialógicas entre enunciados em rede (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: MACHADO, FLáVIA SILVIA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: FILOSOFIA DA LINGUAGEM; ENUNCIADOS; INTERTEXTUALIDADE
  • Keywords: Dialogical relations; Divulgação científica; Gênero reportagem; Hipertextualidade; Hypertextuality; Nós remissivos; Relações dialógicas; Remissive nodes; Reportage; Scientific divulgation
  • Language: Português
  • Abstract: Com base nos conceitos da obra de Bakhtin e seu Círculo, defendemos a tese de que a hipertextualidade pode ser considerada uma modalidade de relação dialógica entre enunciados colocados em rede, tanto em meio digital como impresso, por algum mecanismo de remissão. Considerando as coerções de cada meio e partindo do pressuposto de que a internet é capaz de abrigar um conjunto de esferas, selecionamos reportagens de divulgação científica da FSP e da FO, no período de 2000 a 2008, para compor o corpus da pesquisa. O modelo teórico-metodológico adotado foi formulado a partir da proposta de análise Metalinguística apresentada por Bakhtin em Problemas da Poética de Dostoiévski (2010 [1963]), e desenvolveu-se por meio dos seguintes passos: primeiramente, uma contextualização sócio-histórica dos enunciados; em seguida, a descrição e análise dos elementos constitutivos do gênero reportagem conteúdo temático, forma composicional e estilo e, finalmente, a observação das características dos meios impresso e digital. A análise revelou não somente os efeitos semântico-axiológicos encontrados nas relações dialógicas hipertextuais entre os enunciados, mas também levou-nos a delimitar os planos e mecanismos de remissão em que tais relações ocorrem. Os nós remissivos, que podem ser de natureza verbal ou verbo-visual, auxiliam na formação de uma complexa rede dialógica hipertextual no interior de um enunciado e na sua relação com enunciados externos, favorecendo a criação de diferentesconteúdos temáticos em cada meio. Em relação ao gênero discursivo, pudemos compreender que a sua conclusibilidade também difere de acordo com as relações dialógicas estabelecidas no jornal impresso ou no jornal digital. Enquanto a FSP admite reportagens mais extensas formadas por enunciados fragmentados ou mesmo pelo conjunto de vários enunciados, seja em sua dimensão verbal ou verbo-visual, os enunciados veiculados na FO possuem caráter mais autônomo, não retomando as mesmas relações dialógicas hipertextuais do jornal impresso
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.10.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACHADO, Flávia Silvia; GRILLO, Sheila Vieira de Camargo. Hipertextualidade: uma abordagem bakhtiniana sobre relações dialógicas entre enunciados em rede. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-14032013-095711/ >.
    • APA

      Machado, F. S., & Grillo, S. V. de C. (2012). Hipertextualidade: uma abordagem bakhtiniana sobre relações dialógicas entre enunciados em rede. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-14032013-095711/
    • NLM

      Machado FS, Grillo SV de C. Hipertextualidade: uma abordagem bakhtiniana sobre relações dialógicas entre enunciados em rede [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-14032013-095711/
    • Vancouver

      Machado FS, Grillo SV de C. Hipertextualidade: uma abordagem bakhtiniana sobre relações dialógicas entre enunciados em rede [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-14032013-095711/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021