Exportar registro bibliográfico

Sintomas depressivos em mulheres no pós-parto residentes em um município do sul de Minas Gerais (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated author: COSTA, ELISIANY MELLO - EE
  • School: EE
  • Sigla do Departamento: ENP
  • Subjects: ESCALA DE DEPRESSÃO PÓS-PARTO EDINBURG; DEPRESSÃO PÓS-PARTO; SAÚDE MENTAL; ENFERMAGEM OBSTÉTRICA
  • Keywords: Edinburgh postnatal depression scale; Mental health; Obstetric nursing; Postpartum depression
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: Os transtornos depressivos pós-parto podem afetar a mãe, o bebê e outros membros da família. A depressão pós-parto costuma iniciar na quarta semana e evolui lentamente por várias semanas. Objetivos: Identificar a ocorrência de sintomas depressivos em mulheres no pós-parto e verificar a associação entre sintomas depressivos e as variáveis sociodemográficas e obstétricas. Método: Estudo transversal realizado com 302 mulheres que se encontravam entre 42 e 56 dias após o parto, residentes no município de Lavras (MG). Os dados foram obtidos no período de agosto de 2011 a janeiro de 2012, por meio de entrevista para obtenção da caracterização da puérpera e aplicação da Edinburgh Postnatal Depression Scale (EPDS), para rastrear a depressão após a gestação. O ponto de corte 13 pontos na EPDS foi adotado para indicar a presença de episódio depressivo. A associação de sintomas depressivos com algumas variáveis maternas foi analisada pelo teste do Qui-Quadrado e regressão logística. O projeto foi aprovado pelos Comitês de Ética em Pesquisa da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo Processo nº 1059/2011/CEP-EEUSP e do Centro Universitário de Lavras - Protocolo nº 1059/2011. Resultados: As mulheres tinham em média 27,04 (±6,12) anos de idade; 49,3% eram de cor branca; média de 10,44 (±2,12) anos de estudo, 85,8% com parceiro. O coeficiente Alpha de Cronbach verificado foi 0,85.A prevalência de sintomas depressivos foi de 11,9%. Houve diferença significativa no nível de etnia (p=0,032), escolaridade (p<0,001); situação conjugal (p<0,001); número de gestação (p=0,004); paridade (p<0,001); descanso (p=0,004); fumo (p<0,001); drogas (p=0,004); planejamento da gestação (p<0,001); aceitação da gestação (p<0,001); gestação desejada (p<0,001); experiência pré-natal (p=0,007); experiência no parto (p=0012); violência antes da gestação (p<0,001); violência na gestação (p<0,001); problema psicológico antes da gestação (p<0,001); problema psicológico na gestação (p<0,001); amamentação (p=0,006) e bebê com problema de saúde (p<0,001). As variáveis associadas ter parceiro, estar amamentado e ter mais filhos foram consideradas fatores de proteção para sintomas depressivos no pós-parto e as variáveis associadas ser negra/parda, fumantes e ter sofrido violência, fatores de risco. Conclusões: A prevalência de sintomas depressivos (11,9%) em mulheres no pós-parto no município de Lavras (MG) está compatível com as da literatura nacional e internacional que se referem como 10% e 20%. O conhecimento das variáveis maternas que podem influenciar a ocorrência de depressão pós-parto é de fundamental importância, para que a equipe de saúde possa intervir de forma precoce e adequada no tratamento das mulheres.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.11.2012
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COSTA, Elisiany Mello; TSUNECHIRO, Maria Alice. Sintomas depressivos em mulheres no pós-parto residentes em um município do sul de Minas Gerais. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-08032013-075016/ >.
    • APA

      Costa, E. M., & Tsunechiro, M. A. (2012). Sintomas depressivos em mulheres no pós-parto residentes em um município do sul de Minas Gerais. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-08032013-075016/
    • NLM

      Costa EM, Tsunechiro MA. Sintomas depressivos em mulheres no pós-parto residentes em um município do sul de Minas Gerais [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-08032013-075016/
    • Vancouver

      Costa EM, Tsunechiro MA. Sintomas depressivos em mulheres no pós-parto residentes em um município do sul de Minas Gerais [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-08032013-075016/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020