Exportar registro bibliográfico

Avaliação da capacidade de diferenciação das células estromais mesenquimais multipotentes do liquido amniótico em células de linhagem pulmonar (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: TRISTÃO, WILLYS - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RGO
  • Subjects: LÍQUIDO AMNIÓTICO; DIFERENCIAÇÃO CELULAR; PULMÃO
  • Language: Português
  • Abstract: O liquido amniótico é constituído por uma população celular heterogénea. Entre esses tipos de células 1% possui a capacidade de aderir ao plástico, possui marcadores de células embrionárias e tem a capacidade de diferenciar-se em múltiplas linhagens celulares. Essa população recebe o nome de células estromais mesenquimais multipotentes (CEMM) do liquido amniótico e apresenta facilidades quanto à obtenção. A estrutura pulmonar possui uma complexa estrutura epitelial e incompleto entendimento do desenvolvimento potencial de anormalidades e doenças. Dessa forma, torna-se uma área de especial interesse para biologia das células-tronco, para medicina regenerativa e para a farmacologia. Os objetivos dessa pesquisa foram isolar e caracterizar as CEMM do liquido amniótico, avaliar sua capacidade de diferenciar-se em células de linhagem pulmonar e analisar a expressão gênica global após a indução. Foram analisadas amostras de seis pacientes que aceitaram participar do projeto após esclarecimento dos procedimentos e assinatura do termo de consentimento. As amostras foram cultivadas em meio base AmnioMax® e foram caracterizadas por cariotipagem, imunofenotipagem, microscopia de luz e diferenciação adipogênica e osteogênica. Para a indução da diferenciação em linhagens pulmonares as células foram tratadas por 18 dias com meio Small Airway Epithelial CeD Growth Medium (SAGRO) e avaliadas por imunofluorescência e Real-time PCR (RT- PCR) para a expressão e para produção da proteína surfactante do tipo C (SFTP-C). Visando avaliar a expressão global após a indução, foram selecionadas três amostras controle (não induzidas à diferenciação) e três amostras induzidas à diferenciação em células de linhagem pulmonar, e avaliadas pelo método de microarranjo. Os resultados para a caracterização demonstram que o cultivo celular não causou mudanças no número e nem na estrutura dos cromossomos.Mostrou também que essas células possuem uma população heterogénea, possuindo marcadores epiteliais, mesenquimais, baixa expressão de marcadores hematopoiéticos e positividade para a diferenciação em adipócitos e osteócitos. Para a indução de diferenciação em células de linhagem pulmonar, as CEMM do liquido amniótico apresentaram mudanças morfológicas e aumento na expressão do gene SFTPC, contudo, não foi possível apresentar positividade para a produção da proteína surfactante do tipo C pelo método de imunofluorescência, técnica sabidamente limitada. Por isto, avaliou-se a expressão gênica também pela técnica de RT-PCR detectando-se que o gene SFTPC foi expresso pela indução. A expressão gênica global após a indução da diferenciação em células de linhagem pulmonar apresentou diferença de fold change de 2,5 para 179 genes e a ligação de alguns deles com vias relacionadas com diferenciação celular e funções pulmonares. Nossos resultados sugarem que as CEMM do liquido amniótico possuem uma população mista com predomínio de marcadores mesenquimais e que essa heterogeneidade pode afetar no processo de diferenciação. Determinou também que as CEMM do liquido amniótico são capazes de diferenciarem-se em células de linhagem pulmonar e que apresentam mudanças significativas em genes que atuam nos processos envolvidos com diferenciação celular, especialmente com a diferenciação pulmonar
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.10.2012

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TRISTÃO, Willys; DUARTE, Geraldo. Avaliação da capacidade de diferenciação das células estromais mesenquimais multipotentes do liquido amniótico em células de linhagem pulmonar. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012.
    • APA

      Tristão, W., & Duarte, G. (2012). Avaliação da capacidade de diferenciação das células estromais mesenquimais multipotentes do liquido amniótico em células de linhagem pulmonar. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Tristão W, Duarte G. Avaliação da capacidade de diferenciação das células estromais mesenquimais multipotentes do liquido amniótico em células de linhagem pulmonar. 2012 ;
    • Vancouver

      Tristão W, Duarte G. Avaliação da capacidade de diferenciação das células estromais mesenquimais multipotentes do liquido amniótico em células de linhagem pulmonar. 2012 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020