Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Comunidade fitoplanctônica no monitoramento de rios do estado de São Paulo (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated author: OLIVEIRA, ARNALDO TIAGO RIBEIRO AMORIM DE - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HSA
  • DOI: 10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940
  • Subjects: FITOPLÂNCTON (PESQUISA;ASSOCIAÇÃO;RELAÇÃO); BACTÉRIAS AERÓBICAS GRAM-NEGATIVAS; BACTÉRIAS FIXADORAS DE NITROGÊNIO; INDICADORES DE QUALIDADE; MONITORAMENTO AMBIENTAL; QUALIDADE DA ÁGUA (ASSOCIAÇÃO); RIOS; INTERAÇÃO BIOSFERA-ATMOSFERA (RELAÇÃO); COLETA DE DADOS (ANÁLISE;AMOSTRA)
  • Keywords: Cianobactérias; Indicadores Biológicos; Índices de Qualidade
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo. São poucos os estudos desenvolvidos sobre o fitoplâncton que habita os rios. No estado de São Paulo muitas das captações de água para o abastecimento público se localizam em rios de planície ou rios de baixo gradiente, e apresentam uma grande quantidade de barragens com reservatórios construídos no seu curso, além da presença de lagoas marginais e de pequenos represamentos para a captação de água, contribuindo para o desenvolvimento dos organismos planctônicos. Assim frente à necessidade de conhecer melhor a estrutura e a dinâmica de algas e cianobactérias planctônicas em rios visando aprimorar sua utilização como ferramenta de monitoramentos, o objetivo principal deste projeto foi o de reavaliar e discutir melhorias na aplicação do índice da comunidade fitoplânctonica (ICF), desenvolvido e utilizado pela CETESB, nestes ambientes. Metodologia. Foram avaliados oito locais de coleta, em rios junto a captações de água para o abastecimento público de seis importantes municípios do estado, durante o ano de 2009. As amostragens foram bimestrais e foram levantados os aspectos abióticos (precipitação, vazão, temperatura, pH, oxigênio dissolvido, turbidez, condutividade, carga orgânica e nutrientes) e biológicos (Coliformes termotolerantes, Clorofila a e a Comunidade Fitoplanctônica). Foram testadas e propostas alterações no ICF para aplicação em rios e aplicados outros índices de qualidade das águas utilizados pela CETESB como IET, IVA, ICF para comparação.Resultados. A comunidade fitoplânctônica nos rios estudados apresentou uma elevada riqueza de espécies, porém com uma alta proporção de espécies raras. A densidade dos organismos foi considerada baixa para a maioria dos rios. As maiores densidades estiveram mais relacionadas com o aumento da carga orgânica e as formas de nitrogênio, com aumento significativo no período de menor precipitação. O grupo Baccilariophyta, principalmente a classe Coscinodiscophyceae estiveram associados aos rios com melhor qualidade da água, enquanto a classe Chlorophyceae da ordem Chlorococcales foi correlacionada com o aumento da carga orgânica. A classe Cyanobacteria predominou nos rios com os maiores valores de fósforo e coliformes termotolerantes. A classe Cryptophyceae teve seu aumento relativo relacionado principalmente ao período mais seco com o decréscimo de outros grupos. As diferenças hidráulicas e hidrológicas entre os rios foram fatores importantes na composição da comunidade fitoplanctônica, porém a densidade total de organismos foi influenciada pela sazonalidade, sendo consideravelmente maior no período seco, na maioria dos locais. As diferentes ponderações nos atributos propostas na composição ICFrios (densidade e grupos taxonômicos) mostraram uma significativa correlação com os outros índices de qualidade das águas aplicados, mostrando que pode ser uma boa ferramenta na classificação e monitoramento da qualidade das águas de rios.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.10.2012
  • Online source accessDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Arnaldo Tiago Ribeiro Amorim de; MUCCI, José Luiz Negrão. Comunidade fitoplanctônica no monitoramento de rios do estado de São Paulo. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940 > DOI: 10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940.
    • APA

      Oliveira, A. T. R. A. de, & Mucci, J. L. N. (2012). Comunidade fitoplanctônica no monitoramento de rios do estado de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940
    • NLM

      Oliveira ATRA de, Mucci JLN. Comunidade fitoplanctônica no monitoramento de rios do estado de São Paulo [Internet]. 2012 ;Available from: https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940
    • Vancouver

      Oliveira ATRA de, Mucci JLN. Comunidade fitoplanctônica no monitoramento de rios do estado de São Paulo [Internet]. 2012 ;Available from: https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-31102012-100940

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022