Exportar registro bibliográfico

Avaliação das relações interdentárias na posição de relação cêntrica e em máxima intercuspidação habitual em modelos montados em articulador (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: WEFFORT, SOO YOUNG KIM - FO
  • Unidade: FO
  • Sigla do Departamento: ODO
  • Subjects: ARTICULADORES DENTÁRIOS; DIAGNÓSTICO ORTODÔNTICO; OCLUSÃO DENTÁRIA; RELAÇÃO CENTRAL (ODONTOLOGIA)
  • Language: Português
  • Abstract: A avaliação de modelos em gesso das arcadas dentárias montados em articulador na posição de RC (relação cêntrica), revela importantes detalhes muitas vezes não observados nos modelos de estudo ortodônticos tradicionais. O objetivo do presente estudo foi o de verificar possíveis diferenças entre RC e MIH (máxima intercuspidação habitual), em grupos sintomático e assintomático, avaliando-se as seguintes características oclusais: sobremordida, sobressaliência, desvio de linha média dentária inferior, classificação de Angle para molares e de caninos. A amostra foi composta por 77 participantes, de 19 a 30 anos, não desprogramados, divididos em um grupo sintomático, sendo 15 do gênero masculino e 20 do feminino, com média de idade de 22,8 anos, e outro, assintomático, de 42 indivíduos sendo 18 do gênero masculino e 24 do feminino, com média de idade de 23,6 anos. Todos os participantes assinaram o Termo de consentimento livre e esclarecido (n.82/05) aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da FOUSP e foram submetidos a anamnese, exame clínico, exame de palpação muscular e das ATM. O grupo sintomático foi caracterizado por sinais e sintomas de disfunção temporomandibular (DTM) de origem muscular, segundo Critérios Diagnósticos de Pesquisa em Distúrbio Temporomandibular (Dworkin e LeResche, 1992). Foram considerados assintomáticos indivíduos que apresentaram ausência de sinais e sintomas de DTM. Foram obtidos os registros de RC, de MIH e modelos superiores e inferiores em gesso, (Continua)(Continuação) que foram montados em articulador semi-ajustável com registros de RC obtidos de acordo com a técnica power centric de Roth modificada. Para medições confiáveis, foi desenvolvido instrumento que manteve o plano oclusal inferior como referência nas duas posições avaliadas. Para a análise estatística foram utilizados os testes ANOVA, ANOVA com medidas repetidas, Qui-Quadrado com correção de continuidade e teste não-paramétrico de McNemar-Bowker para dados pareados. Foram encontradas diferenças significativas entre RC e MIH em todas as variáveis examinadas, tanto no grupo sintomático como no assintomático, porém não foram encontradas diferenças entre os grupos. Foi observada sobressaliência significantemente maior (p<0,001), sobremordida significantemente menor (p<0,001) e desvio de linha média inferior maior (0,047) em RC que em MIH. O maior percentual de relação de Angle em MIH foi de CI I, e em RC, de relação de CI 11, tanto para os caninos como para os molares. Foi observada associação significativa entre maior variação na sobremordida entre RC e MIH, e as mudanças da relação molar dos lados direito e relação de canino do lado esquerdo, com sobremordida maior em MIH. Foi encontrada associação significativa entre maior variação entre RC e MIH com sobressaliência maior em RC, com as variações da relação de canino do lado esquerdo. Observou-se também, associação significativa entre a alteração da relação molar do lado O, com maior desvio de linha média inferior em RC. Confirmou-se neste estudo que as maloclusões analisadas em RC são diferentes daquelas examinadas em MIH, o que pode modificar o diagnóstico e o plano de tratamento ortodônticos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.06.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      WEFFORT, Soo Young Kim; FANTINI, Solange Mongelli de. Avaliação das relações interdentárias na posição de relação cêntrica e em máxima intercuspidação habitual em modelos montados em articulador. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23151/tde-14092012-163040/ >.
    • APA

      Weffort, S. Y. K., & Fantini, S. M. de. (2012). Avaliação das relações interdentárias na posição de relação cêntrica e em máxima intercuspidação habitual em modelos montados em articulador. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23151/tde-14092012-163040/
    • NLM

      Weffort SYK, Fantini SM de. Avaliação das relações interdentárias na posição de relação cêntrica e em máxima intercuspidação habitual em modelos montados em articulador [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23151/tde-14092012-163040/
    • Vancouver

      Weffort SYK, Fantini SM de. Avaliação das relações interdentárias na posição de relação cêntrica e em máxima intercuspidação habitual em modelos montados em articulador [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23151/tde-14092012-163040/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021