Exportar registro bibliográfico

Efeito de alimentos e bebidas no esmalte dental decíduo após desafio erosivo com ácido clorídrico (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: MESQUITA, KÉSSIA SUÊNIA FIDELIS DE - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 807
  • Subjects: EROSÃO DE DENTE; ESMALTE DENTÁRIO; DENTE DECÍDUO; ALIMENTOS (EFEITOS); BEBIDAS (EFEITOS)
  • Keywords: Ácido clorídrico; deciduous tooth; dental erosion; drink; enamel; food; hydrochloric acid
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito, in vitro, de alguns alimentos e bebidas industrializados oferecidos como lanche às crianças, sobre o esmalte dental decíduo, após simulação de desafio erosivo intrínseco em função do tempo de exposição. A coroa de cento e dois incisivos decíduos hígidos foram fixadas em bases acrílicas, expondo-se uma área de 2mm de diâmetro da superfície vestibular. Os espécimes foram submetidos a um desafio erosivo com ácido clorídrico e divididos aleatoriamente em 6 grupos (n=17): Leite Achocolatado Toddynho (Pepsico) - controle negativo, Petit Suisse Danoninho (Danone), Iogurte de Morango (Vigor), Papinha de Maçã (Nestlé), Leite Fermentado Yakult (Yakult) e Suco de Laranja Caseira com Gominhos (del Valle) - controle positivo. Os ciclos de imersão nos produtos teste foram realizados durante 28 dias, 2x/dia, intercalados com saliva artificial. Medidas de microdureza superficial do esmalte foram realizadas inicialmente (baseline), após imersão em ácido clorídrico e com 7, 14, 21 e 28 dias de experimento. A Análise de Variância (ANOVA) a dois critérios, seguida pela decomposição da soma dos quadrados e pelo teste de Tukey apresentou diferença significativa a interação entre Lanches e Tempo (p= 0.0000). O suco de laranja foi o produto que resultou em maior perda mineral do esmalte aos 28 dias. Nenhum dos lanches utilizados foi capaz de recuperar a microdureza do esmalte dental decíduo ao longo do tempo final de exposição (28 dias). A análise qualitativa por meio de Microscopia Eletrônica de Varredura foi realizada ao término dos 28 dias de exposição aos produtos, observando-se destruição generalizada dos prismas de esmalte dos dentes decíduos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.05.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MESQUITA, Késsia Suênia Fidelis de; SERRA, Monica Campos. Efeito de alimentos e bebidas no esmalte dental decíduo após desafio erosivo com ácido clorídrico. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-04072012-115105/ >.
    • APA

      Mesquita, K. S. F. de, & Serra, M. C. (2012). Efeito de alimentos e bebidas no esmalte dental decíduo após desafio erosivo com ácido clorídrico. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-04072012-115105/
    • NLM

      Mesquita KSF de, Serra MC. Efeito de alimentos e bebidas no esmalte dental decíduo após desafio erosivo com ácido clorídrico [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-04072012-115105/
    • Vancouver

      Mesquita KSF de, Serra MC. Efeito de alimentos e bebidas no esmalte dental decíduo após desafio erosivo com ácido clorídrico [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58135/tde-04072012-115105/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021