Exportar registro bibliográfico

Método simplificado versus convencional de confecção de próteses totais para aplicação na saúde pública. Parte I: análise econômica (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: VECCHIA, MARIA PAULA DELLA - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 805
  • Subjects: PRÓTESE TOTAL; CUSTO ECONÔMICO
  • Keywords: complete denture; costs and cost analysis; custos e análise de custo; ensaio clínico controlado aleatório; randomized controlled trial
  • Language: Português
  • Abstract: A confecção de próteses totais envolve uma série de procedimentos técnicos complexos. No entanto, a simplificação dessa sequência de procedimentos pode ser tão eficazes quanto os convencionais, mas com menor gasto de tempo e recursos. O objetivo deste estudo foi quantificar os custos envolvidos com a confecção de próteses totais com um método simplificado em comparação a um convencional. A amostra foi formada por pacientes desdentados totais solicitando tratamento com próteses totais duplas, que foram divididos aleatoriamente em dois grupos: o Grupo S recebeu próteses totais confeccionadas por um método simplificado, enquanto que o Grupo C recebeu próteses confeccionadas convencionalmente. Os custos diretos e indiretos de cada procedimento foram calculados por participante, incluindo sessões imprevistas. O estudo foi realizado com 19 e 21 participantes nos grupos S e C, respectivamente, e comparações entre os dois grupos foram feitas por meio dos testes de Mann-Whitney e t de Student (α=0,05). A confecção das próteses demandou do operador um tempo mediano de 173,2 e 284,5 min. para os grupos S e C, respectivamente, enquanto os tempos para o auxiliar foram 46,6 e 61,7 min. (diferenças significantes, P<0,05). Os grupos não diferiram significantemente na fase de ajustes pós-instalação. O grupo S também apresentou valores menores que C durante a fase de confecção, mas não durante os ajustes, para custos com materiais empregados e tempo despendido pelo paciente. No total, o método simplificado reduziu o custo direto do tratamento em 34,9%. Conclui-se que o método simplificado é menos oneroso ao paciente e sistema de saúde, quando comparado a um protocolo convencional para a reabilitação do paciente edentado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.12.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VECCHIA, Maria Paula Della; SOUZA, Raphael Freitas de. Método simplificado versus convencional de confecção de próteses totais para aplicação na saúde pública. Parte I: análise econômica. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-15022012-112909/ >.
    • APA

      Vecchia, M. P. D., & Souza, R. F. de. (2011). Método simplificado versus convencional de confecção de próteses totais para aplicação na saúde pública. Parte I: análise econômica. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-15022012-112909/
    • NLM

      Vecchia MPD, Souza RF de. Método simplificado versus convencional de confecção de próteses totais para aplicação na saúde pública. Parte I: análise econômica [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-15022012-112909/
    • Vancouver

      Vecchia MPD, Souza RF de. Método simplificado versus convencional de confecção de próteses totais para aplicação na saúde pública. Parte I: análise econômica [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-15022012-112909/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021