Exportar registro bibliográfico

Relações filogenética entre os Keroplatinae: posição de Orfeliini e relação entre seus gêneros (Diptera: Keroplatidae) (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: FALASCHI, RAFAELA LOPES - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 592
  • Subjects: FILOGENIA; DIPTERA; ZOOLOGIA (CLASSIFICAÇÃO); BIODIVERSIDADE
  • Language: Português
  • Abstract: A família Keroplatidae está distribuída por todo o globo e tem sido subdividida em quatro táxons colocados nível de subfamília: Arachnocampinae, Macrocerinae, Keroplatinae e Sciarokeroplatinae. De acordo com pologias recentes, Keroplatidae forma um grupo monofilético com as famílias Bolitophilidae, Diadocidiidae Ditomyiidae. Atualmente, 92 gêneros são incluidos em Keroplatidae, com cerca de 950 espécies conhecidas para o mundo. Keroplatinae (Diptera: Keroplatidae) é a subfamília que compreende o maior número de gêneros (70) e de espécies (677). Na maior parte da literatura, aceita-se a divisão da subfamília em dois grandes grupos, Keroplatini e Orfeliini. Diferentemente dos Keroplatini, muito pouco é conhecido sobre as relações filogenéticas entre os gêneros de Orfeliini e mesmo a posição dessa tribo dentro da subfamília não foi tratada com rigor metodológico. Assim, foi realizado aqui um estudo comparativo para determinar o relacionamento filogenético entre os gêneros de Keroplatini e Orfeliini—testando assim o monofiletismo de ambas as tribos. Uma chave de identificação para a tribo Orfeliini, até então ausente na literatura, foi confeccionada, assim como as chaves para as outras subfamilias foram revistas e atualizadas. A análise Genética baseou-se no estudo de 140 caracteres morfológicos, codificados para 135 táxons terminais da subfamília Keroplatinae, com representantes das subfamílias Macrocerinae, Arachnocampinae e das famílias Ditomyiidae, Diadocidiidae, Bolitophilidae e Lygistorrhinidae como grupos externos. Foram realizadas análises de com pesos iguais e pesos diferenciais a posteriori, tendo sido obtidas 20 árvores mais parcimoniosas na análise com pesos iguais e duas árvores na análise com pesagem a posteriori. Os resultados da análise filogenética confirmam o monofiletismo de Keroplatidae, Keroplatinae e Keroplatini, no entanto mostram com bastante robustez que Orfeliiniem sua definição atual se trata de um grupo parafilético com relação a Keroplatini. Também é notória a necessidade de revisões taxonômicas de muitos dos gêneros estudados, bem como o estudo de suas relações filogenéticas, como Rofelia e Neoditomyia e entre Neoantlemon e Pyrtaula. As indicações de que Orfeliini como é definido atualmente definiu seja parafilético com relação a Keroplatini são robustas. Um grupo de gêneros ao redor do gênero Playura mostrou ser grupo-irmão de um clado queinclui Orfelia e outros gêneros mais Keroplatini. Isto aponta à necessidade de se recuperar o nome Platyurini como uma tribo adicional dentro de Keroplatinae. Revisões taxonômicas de muitos dos gêneros das tribos são fortemente necessitadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.04.2012

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FALASCHI, Rafaela Lopes; AMORIM, Dalton de Souza. Relações filogenética entre os Keroplatinae: posição de Orfeliini e relação entre seus gêneros (Diptera: Keroplatidae). 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012.
    • APA

      Falaschi, R. L., & Amorim, D. de S. (2012). Relações filogenética entre os Keroplatinae: posição de Orfeliini e relação entre seus gêneros (Diptera: Keroplatidae). Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Falaschi RL, Amorim D de S. Relações filogenética entre os Keroplatinae: posição de Orfeliini e relação entre seus gêneros (Diptera: Keroplatidae). 2012 ;
    • Vancouver

      Falaschi RL, Amorim D de S. Relações filogenética entre os Keroplatinae: posição de Orfeliini e relação entre seus gêneros (Diptera: Keroplatidae). 2012 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020