Exportar registro bibliográfico

Relação entre o gene B-Cell-Specific Moloney Murine Leukemia Virus Integration Site 1 (BMI-1) e genes reguladores da recombinação homóloga em carcinomas ductais invasores da mama (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVEIRA, GIÓRGIA GOBBI DA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPA
  • Subjects: NEOPLASIAS MAMÁRIAS; CARCINOMA DE DUCTOS INFILTRANTE
  • Language: Português
  • Abstract: Bmi-1 é uma proteina do grupo Polycomb capaz de induzir atividade de telomerase, levando à imortalização de células epiteliais. As células, quando imortalizadas, se tronam mais susceptíveis a danos em dupla fita (double-strand breaks (DSB))e a recombinação homóloga é uma das duas vias de reparo dos DSBs. Dentre os genes reguladores da recombinação homóloga temos o BRCA-1, que está envolvido na resposta ao dano associado à proteína RAD51, que por sua vez se acumula rapidamente nos focos de dano ao DNA após a sinalização do H2AX, que têm se mostrado um excelente marcador de dano celular por se acumular rapidamente nos focos de lesão, desencadeando o processo de reparo. Topoisomerase III‘beta’ (TopoIII‘beta’) remove intermediários da recombinação homóloga antes da segregacão de cromossomos, prevenindo danos à estrutura do DNA celular. O papel das proteínas envolvidas na recombinação homóloga, em carcinomas ductais invasores positivos para o BMI-1, necessita ser investigado. Utilizando-se tissue microarrays contendo 239 casos de carcinomas ductais mamários primários, foi analisada a expressão imunoistoquímica de BMI-1, receptor de estrógeno, receptor de progesterona, HER2, Ki67, p53 e BRCA-1, yH2AX, RAD51 e topoisomerase III‘beta’. Positividade para o Bmi-1 foi encontrada em 66 casos (27.6%). A positividade imunoistoquímica do BMI1 relacionou-se a RE (p=0,004), RP (p<0,001), Ki-67 (p < 0,001), p53 (p=0,003), BRCA-1 (p= 0,003), H2AX (p= 0,024) e TopoIII‘beta’ (p < 0,001). Concluindo, nossos resultados mostraram haver relação entre o BMI-1 e genes reguladores da HR, sugerindo que a positividade de BMI-1 pode ser um importante evento na recombinação homóloga em carcinomas ductais invasores da mama.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.03.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVEIRA, Giórgia Gobbi da; RIBEIRO-SILVA, Alfredo. Relação entre o gene B-Cell-Specific Moloney Murine Leukemia Virus Integration Site 1 (BMI-1) e genes reguladores da recombinação homóloga em carcinomas ductais invasores da mama. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17143/tde-08082014-112232/ >.
    • APA

      Silveira, G. G. da, & Ribeiro-Silva, A. (2012). Relação entre o gene B-Cell-Specific Moloney Murine Leukemia Virus Integration Site 1 (BMI-1) e genes reguladores da recombinação homóloga em carcinomas ductais invasores da mama. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17143/tde-08082014-112232/
    • NLM

      Silveira GG da, Ribeiro-Silva A. Relação entre o gene B-Cell-Specific Moloney Murine Leukemia Virus Integration Site 1 (BMI-1) e genes reguladores da recombinação homóloga em carcinomas ductais invasores da mama [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17143/tde-08082014-112232/
    • Vancouver

      Silveira GG da, Ribeiro-Silva A. Relação entre o gene B-Cell-Specific Moloney Murine Leukemia Virus Integration Site 1 (BMI-1) e genes reguladores da recombinação homóloga em carcinomas ductais invasores da mama [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17143/tde-08082014-112232/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021