Exportar registro bibliográfico

Validação relativa de questionário quantitativo de frequência alimentar para crianças de 5 a 10 anos (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: VILELA, LIDIANE BERNARDES FARIA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPP
  • Subjects: ALIMENTAÇÃO INFANTIL; QUESTIONÁRIOS; VALIDADE DO TESTE; CRIANÇAS
  • Language: Português
  • Abstract: Avaliar a ingestão alimentar é um desafio muito grande para pesquisadores e, em se tratando de crianças, esse desafio é ainda maior. Nesta situação o que se pretende, mais do que estimar corretamente o padrão usual de consumo é classificar corretamente os indivíduos, segundo maior ou menor consumo. Porém, é necessário determinar a validade de questionários alimentares. Objetivo: Testar a validade de um Questionário Quantitativo de Frequência Alimentar (QQFA) para crianças de 5 a 10 anos de idade do Município de Rio Verde do Estado de Goiás, que inclua alimentos usuais da população, por meio de comparação com Inquérito Recordatório de 24horas (IR24h), no que diz respeito a energia, macronutrientes, fibras, vitaminas C, A e folato. Metodologia: Após a aplicação do QQFA, foram aplicados três IR24h, desta forma foram registrados todos os alimentos e bebidas, e suas respectivas medidas caseiras, consumidor para avaliação da ingestão usual de energia e nutrientes. Foram calculadas as medianas, valores mínimos e máximos e coeficiente de correlação de Pearson utilizando-se o programa SPSS. O programa MedCalc Statistic versão 11.6.0 foi utilizado para estatística de Kappa e Bland-Altman. Resultados: A amostra foi composta por 114 crianças, dessas 52,6% eram do sexo feminino e 47,4% eram do sexo masculino. A mediana de idade foi de 7 anos. A maioria era eutrófico (69,3%), com IMC mediano de 15,37kg/’M POT 2’. Os resultados dos coeficientes de correlação de Pearson apresentaram valores baixos para todos os nutrientes, exceto para proteína e vitamina C (r = 0,39 e r = 0,33, respectivamente). Após o ajuste pela energia, a correlação dos nutrientes diminuiu tendendo em alguns casos a valores negativos, como foi caso do carboidrato e da fibra. Quando atenuaram-se os efeitos da variância intrapessoal, valores baixos foram mentidos, exceto para energia, que apresentou um aumento(r = 0,306) e o da vitamina C que ficou em r = 0,3. Na estatística de Kappa para análise de concordância entre quartis, foi encontrada uma boa concordância para os nutrientes energia, proteína e folato (71%), seguido das vitaminas C (69%) e A (67%). Quando avaliados os quartis apostos observou-se uma média de 9,95% para os nutrientes analisados. A estatística Kappa revelou uma relativa a nenhuma concordância entre os métodos sendo a maior concordância para o nutriente Energia (0,27) e a menor para o Carboidrato (- 0,09). A análise Bland-Altman mostrou concordância entre os métodos QQFA e IR24h de 95% para fibra a 332% para vitamina A. O gráfico de dispersão de Bland-Altman mostrou valores de p<0,001 para os nutrientes vitamina C, vitamina A e Folato que indicam erros sistemáticos do tipo, subestimativa de maiores ingestões para as vitaminas C e A e superestimativa de menores ingestões para folato. Conclusão: Pela análise de Bland-Altman o QQFA superestima todos os nutrientes avaliados pelo IR24, porém se apresenta como um bom instrumento para análise da ingestão de energia, carboidrato, proteína, lipídio, fibra, vitamina A, vitamina C e folato, quando divididos em quarto de consumo pela estatística de Kappa, para crianças de 5 a 10 anos do município de Rio Verde do estado de Goiás
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.02.2012

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VILELA, Lidiane Bernardes Faria; MONTEIRO, Jacqueline Pontes. Validação relativa de questionário quantitativo de frequência alimentar para crianças de 5 a 10 anos. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012.
    • APA

      Vilela, L. B. F., & Monteiro, J. P. (2012). Validação relativa de questionário quantitativo de frequência alimentar para crianças de 5 a 10 anos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Vilela LBF, Monteiro JP. Validação relativa de questionário quantitativo de frequência alimentar para crianças de 5 a 10 anos. 2012 ;
    • Vancouver

      Vilela LBF, Monteiro JP. Validação relativa de questionário quantitativo de frequência alimentar para crianças de 5 a 10 anos. 2012 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021