Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação do impacto da presença de cefaleias primárias e do tempo de experiência de dor na efetividade do tratamento da disfunção temporomandibular (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LEITE, EDUARDO DE MEIRA - FOB
  • Unidades: FOB
  • Sigla do Departamento: BAP
  • Subjects: CEFALEIA; ENXAQUECA; DISFUNÇÃO TEMPOROMANDIBULAR
  • Language: Português
  • Abstract: A migrânea e a cefaléia tensional são cefaléias primárias que surgem de estruturas não-mastigatórias, porém, a presença de sintomas de DTM, como a dor, pode influenciar de modo excitatório tais condições e vice-versa, influenciando no resultado final do tratamento. Esta pesquisa tem o objetivo principal de avaliar o impacto da presença de cefaléias primárias no tratamento das Disfunções Temporomandibulares (DTMs), e testa a hipótese nula de que a presença de cefaléias primárias não interfere com o resultado do tratamento. Como objetivos secundários, de avaliar se existe diferença na presença de dor miofascial nos músculos mastigatórios e cervicais, se existe diferença entre a variação da dor medida pela Escala Analógica Visual (EAV) em relação ao gênero, estresse e hábitos parafuncionais, e se essa diferença também se apresenta entra as variáveis oclusão, tempo de dor, número de queixas e número de tratamentos indicados. Para isso foram selecionados 546 prontuários clínicos de pacientes, sendo 313 com DTM e 233 com DTM e cefaléias, e analisados segundo a EAV ao início e fim do tratamento para DTM, bem como a variação entre a dor inicial e final entre os grupos. Testes de Mann-Whitney, Correlação de Spearman e Qui-quadrado analisaram os dados, com 5% de significância. A presença de cefaléias primárias interferiu negativamente no índice de sucesso do tratamento da DTM (p<0,05) (redução de 38,70 e de 24,66 na EAV para os grupos de DTM e DTM associada a cefaleia, respectivamente). A presença de dor miofascial nas musculaturas mastigatória e cervical foi semelhante entre os grupos. A variação entre a dor inicial e final não foi afetada pela diferença entre os gêneros, assim como pelo auto-relato da presença de hábitos parafuncionais e de estresseDa mesma forma, a presença de má-oclusão, o tempo de experiência de dor, o número de queixas relatadas e o número de tratamentos indicados pelo profissional não influenciaram os resultados finais. Conclui-se que presença de cefaléias primárias parece interferir negativamente na melhora do quadro sintomático de pacientes tratados para DTM
  • Imprenta:
    • Place of publication: Bauru
    • Date published: 2012
  • Data da defesa: 19.01.2012

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LEITE, Eduardo de Meira; CONTI, Paulo César Rodrigues. Avaliação do impacto da presença de cefaleias primárias e do tempo de experiência de dor na efetividade do tratamento da disfunção temporomandibular. 2012.Universidade de São Paulo, Bauru, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25135/tde-12062012-105451/publico/EduardodeMeiraLeite_Rev.pdf >.
    • APA

      Leite, E. de M., & Conti, P. C. R. (2012). Avaliação do impacto da presença de cefaleias primárias e do tempo de experiência de dor na efetividade do tratamento da disfunção temporomandibular. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25135/tde-12062012-105451/publico/EduardodeMeiraLeite_Rev.pdf
    • NLM

      Leite E de M, Conti PCR. Avaliação do impacto da presença de cefaleias primárias e do tempo de experiência de dor na efetividade do tratamento da disfunção temporomandibular [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25135/tde-12062012-105451/publico/EduardodeMeiraLeite_Rev.pdf
    • Vancouver

      Leite E de M, Conti PCR. Avaliação do impacto da presença de cefaleias primárias e do tempo de experiência de dor na efetividade do tratamento da disfunção temporomandibular [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25135/tde-12062012-105451/publico/EduardodeMeiraLeite_Rev.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019