Exportar registro bibliográfico

Efeitos da Kisspeptina sobre a atividade do eixo hipotálamo – hipófise – adrenal e mediação estrogênica (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ARAUJO, IRACEMA GOMES DE - FMRP
  • Unidades: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFI
  • Subjects: PROGESTERONA; VASOPRESSINAS; ESTRADIOL; NEUROENDOCRINOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: O eixo hipotálamo - hipófise- gônadas (HHG) é finamente modulado por uma rede neural e neuroendócrina complexa e por fatores ambientais fornecendo informações precisas acerca de parâmetros endógenos e exógenos que influenciam a reprodução. Acredita-se que a maioria dessas informações converge ao sistema Kisspeptina/GPR54, que as integra para controle do eixo HHG. Nesse contexto, sabe-se que o eixo hipotálamo - hipófise- adrenal (HHA) é um modulador importante da função reprodutiva. Portanto, considerando a comunicação entre os eixos HHG e HHA e ação do sistema Kisspeptina/GPR54 no eixo HHG, nosso objetivo foi avaliar a ação da Kisspeptina sobre o eixo HHA e uma possível modulação estrogênica Para tanto, ratas Wistar (240-260 g) ovariectomizadas (OVX) e portadoras de canula-guia no ventrículo lateral esquerdo foram tratadas com cipionato de estradiol (10µg/animal, OVX-‘E POT. 2’) ou veículo (OVX) durante 3 dias. No segundo dia de tratamento, as ratas foram submetidas à canulação da veia jugular para as coletes de sangue. No terceiro dia e 30 minutos após a coleta de sangue basal, veículo (Salina isotônica) ou Kisspeptina (0,3 ou 3nMlanimal) foram administrados intracerebroventricularmente; as demais coletes foram realizadas após 15, 30, 60 e 120 minutos. Após a última coleta, os animais foram anestesiados e transcardiacamente perfundidos e os cérebros coletados para os procedimentos imunohistoquimicos. A administração de 0,3 (15 minutos) e 3,0nM/animal (15 e 30 minutos) de Kisspeptina aumentou a secreção de hormônio luteinizante no grupo OVX, e o estrógeno prolongou esta resposta na dose de 3nM/animal (15, 30 e 120 minutos) em relação aos respectivos controles. A Kisspeptina aumentou a secreção de hormônio folículo-estimulante no grupo OVX nas doses 0,3 (15, 30, 60 e 120 minutos) e 3,0nMlanimal (15, 30, 60 e 120 minutos), assim como no grupo OVX-‘E POT. 2’ na dose de3,0nM/animal (15, 60 e 120 minutos) em relação aos respectivos controles. A administração de 3,0nM/animal de Kisspeptina reduziu a secreção de corticosterona no grupo OVX (15 e 30 minutos vs. OVX+Salina e vs. respectivo valor basal) enquanto que, no grupo OVX-‘E POT. 2’, ambas as doses reduziram esta secreção aos 15 minutos (Kiss 0,3 e 3,0 vs. OVX-‘E POT. 2’ + Salina, respectivamente). Observamos ainda redução na secreção de progesterona nos grupos controle OVX (60 minutos) e OVX-‘E POT. 2’ (15, 30, 60 e 120 minutos) quando comparado aos respectivos valores basais. A administração de 0,3nM/animal de Kisspeptina retardou essa queda na secreção de progesterona aos 30 minutos no grupo OVX-‘E POT. 2’ quando comparado ao OVX-‘E POT. 2’+Salina e, a maior dose, intensificou a queda em suas concentrações. Adicionalmente, a administração de 3nM/animal de Kisspeptina reduziu o número de neurônios imunorreativos para proteína FRA (do inglês Fos-related antigen, expressa em núcleos de neurônios em atividade basal) e CRH (hormônio liberador de corticotrofina) ou AVP (vasopressina) na porção medial do núcleo paraventricular (PVN) hipotalamico somente no grupo OVX quando comparado ao respectivo controle. Dessa forma, podemos sugerir que a Kisspeptina atue sobre o eixo HHA, inibindo-o e, que tal resposta parece envolver os neurónios parvocelulares CRH e AVPérgicos do PVN, e o estrógeno parece atenuar a acão da Kisspeptina sobre o eixo HHA
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.01.2012

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ARAUJO, Iracema Gomes de; FRANCI, Celso Rodrigues. Efeitos da Kisspeptina sobre a atividade do eixo hipotálamo – hipófise – adrenal e mediação estrogênica. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012.
    • APA

      Araujo, I. G. de, & Franci, C. R. (2012). Efeitos da Kisspeptina sobre a atividade do eixo hipotálamo – hipófise – adrenal e mediação estrogênica. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Araujo IG de, Franci CR. Efeitos da Kisspeptina sobre a atividade do eixo hipotálamo – hipófise – adrenal e mediação estrogênica. 2012 ;
    • Vancouver

      Araujo IG de, Franci CR. Efeitos da Kisspeptina sobre a atividade do eixo hipotálamo – hipófise – adrenal e mediação estrogênica. 2012 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020