Exportar registro bibliográfico

As mudanças climáticas globais e as ONGs socioambiental brasileiras: novas estratégias de conservação para a Amazônia (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: COUTO, GABRIELA DE AZEVEDO - PROCAM
  • Unidade: PROCAM
  • Subjects: ORGANIZAÇÃO NÃO GOVERNAMENTAL; PROTEÇÃO AMBIENTAL; MUDANÇA CLIMÁTICA; APRENDIZAGEM
  • Keywords: ONGs socioambientais
  • Language: Português
  • Abstract: A emergência das mudanças climáticas globais como problemática socioambiental central dos tempos atuais impõe-se como um desafio não só porque exige da sociedade medidas para minimizar os impactos e buscar novos modos de vida em um planeta em transformação, mas principalmente porque demanda um melhor entendimento sobre como as alterações no clima são percebidas e interpretadas pela sociedade, assim como sobre a propensão de determinados grupos sociais para intervir no tema. Este estudo tem como objetivo compreender uma parte deste processo, investigando, a partir da emergência e posicionamento do tema Mudanças Climáticas Globais na agenda internacional, como as estratégias e ações de ONGs ambientalistas brasileiras para conservação da Amazônia são influenciadas. Isso porque o desmatamento da floresta Amazônica se apresenta como o maior responsável pelos altos índices de emissões brasileiras de Gases de Efeito Estufa, mas também porque a floresta amazônica é considerada um importante sumidouro de carbono. Além disso, este estudo apresenta elementos que mostram a importância da atuação de ONGs ambientalistas brasileiras, uma vez que influenciam os processos de tomada de decisão relativos às mudanças climáticas no âmbito nacional e internacionalmente. Esta pesquisa concentra-se em compreender o papel desempenhado por um grupo específico de organizações não-governamentais ambientalistas brasileiras no processo social que contribui para o debate relativo à problemáticaestabelecida. São organizações que vêm se articulando com diferentes parceiros, desenvolvendo novos projetos, inovando em suas estratégias de atuação social e política, transitando da escala local à global e ampliando e diversificando seu universo de ações e relações, sem que para isso tenham que modificar sua missão. A principal ideia da dissertação é que estas organizações não devem ser consideradas meras oportunistas por lidarem com um tema da moda, nem tampouco reféns de financiadores que impõem a elas suas prioridades; ao contrário, são organizações que contribuem para a construção de novas agendas e constroem novas oportunidades de financiamento a fim de continuarem cumprindo com sua missão
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.01.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COUTO, Gabriela de Azevedo; BEDUSCHI FILHO, Luiz Carlos. As mudanças climáticas globais e as ONGs socioambiental brasileiras: novas estratégias de conservação para a Amazônia. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-28032012-103542/ >.
    • APA

      Couto, G. de A., & Beduschi Filho, L. C. (2012). As mudanças climáticas globais e as ONGs socioambiental brasileiras: novas estratégias de conservação para a Amazônia. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-28032012-103542/
    • NLM

      Couto G de A, Beduschi Filho LC. As mudanças climáticas globais e as ONGs socioambiental brasileiras: novas estratégias de conservação para a Amazônia [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-28032012-103542/
    • Vancouver

      Couto G de A, Beduschi Filho LC. As mudanças climáticas globais e as ONGs socioambiental brasileiras: novas estratégias de conservação para a Amazônia [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-28032012-103542/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021