Exportar registro bibliográfico

Células mesenquimais humanas: bases moleculares da atividade imunorreguladora in vitro (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: RAMOS, CAROLINA LAVINI - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MCM
  • Subjects: CÉLULAS-TRONCO; LINFÓCITOS T; TECIDO ADIPOSO; MECANISMOS
  • Keywords: Adipose tissue; Células-Tronco mesenquimais; Immunoregulation; Imunorregulação; Linfócitos; Mechanisms; Mesenchymal stem cells; T cells
  • Language: Português
  • Abstract: As células tronco mesenquimais (MSC) têm capacidade imunossupressora envolvendo diferentes mecanismos. No entanto, ainda não está claro o que desencadeia as diferentes vias de imunorregulação, ou mesmo o que determina a magnitude de sua capacidade supressora. A nossa hipótese é que a intensidade da atividade supressora das MSC esteja vinculada à sua capacidade de desencadear múltiplas vias moleculares, simultaneamente. Utilizamos uma estratégia experimental na qual testamos o efeito das MSC humanas do tecido adiposo (AdMSC), derivadas de diferentes indivíduos, sobre a proliferação de PBMC estimuladas, obtidas do mesmo indivíduo, visando relacionar o efeito supressor com a ocorrência simultânea de modificações imunomoleculares (expressão de mRNA e proteínas), tanto nos linfócitos T como nas AdMSC. Foram comparadas as correlações entre as modificações de expressão gênica e proteica nos ensaios com maior (> 50% inibição de proliferação de linfócitos T) ou menor (<50% de inibição) capacidade supressora. A primeira novidade do nosso trabalho é que durante a atividade supressora das AdMSC, múltiplas moléculas são acionadas, simultaneamente, nos linfócitos T (LT) e nas próprias AdMSC, indicando a importância da ação integrada de múltiplas vias moleculares. Várias dessas modificações de expressão gênica ocorreram de forma dominante (em todos os experimentos), como o aumento da expressão de IDO, ILB e MMP2 nos LT e de diversas moléculas nas AdMSC (entre elas: IDO, HLAG, IL10, PDL1, SEMAD4, MMP9, FASL e várias quimiocinas). Ademais, relatamos diversos novos mecanismos potencialmente envolvidos na atividade supressora das AdMSC humanas, entre eles, a diminuição do número de células T efetoras ativadas, CD4 e CD8 expressando ICOS e CD8 positivas expressando OX40, além do aumento do número de uma população específica de células T reguladoras (CD4+CD25HIFOXP3+) expressando a ectoenzima CD73, importante nageração de adenosina, molécula com atividade imunorreguladora. Descrevemos também outras novas moléculas possivelmente envolvidas nos mecanismos de imunossupressão das AdMSC como SEMA4D, MMP9, CCL22 e RUNX3, cuja expressão aumentou nas AdMSC após o cocultivo e GARP, LRRC32, IL1B e MMP2, nos LT. Mostramos, pela primeira vez, um perfil imunomolecular diferencial nos ensaios de maior capacidade supressora, com correlações positivas específicas entre os aumentos da expressão gênica, nos dois tipos celulares, envolvendo moléculas como HLAG e CCR4, IL13, IL4, TLR10, IL1B, GARP, S1PR1 e LRRC32 (β-catenina), nos linfócitos T e, nas AdMSC, CCL22 com MMP9 e HLAG com FOXP3. Assim, sugerimos que a magnitude da atividade supressora das AdMSC depende da combinação de múltiplas vias moleculares mobilizadas, simultaneamente, e relacionadas com a indução de um perfil Th2, migração e sobrevida celular, bem como com a atividade imunorreguladora. Além de apontar novas moléculas ao repertório imunomolecular da atividade supressora das AdMSC humanas, trazemos uma contribuição importante, apresentando uma visão mais ampla da rede de interações imunomoleculares envolvida na atividade supressora das MSC
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.12.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LAVINI-RAMOS, Carolina; COELHO, Veronica Porto Carreiro de Vasconcellos. Células mesenquimais humanas: bases moleculares da atividade imunorreguladora in vitro. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5164/tde-27022012-145149/ >.
    • APA

      Lavini-Ramos, C., & Coelho, V. P. C. de V. (2011). Células mesenquimais humanas: bases moleculares da atividade imunorreguladora in vitro. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5164/tde-27022012-145149/
    • NLM

      Lavini-Ramos C, Coelho VPC de V. Células mesenquimais humanas: bases moleculares da atividade imunorreguladora in vitro [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5164/tde-27022012-145149/
    • Vancouver

      Lavini-Ramos C, Coelho VPC de V. Células mesenquimais humanas: bases moleculares da atividade imunorreguladora in vitro [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5164/tde-27022012-145149/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021