Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Ingestão habitual de alimentos entre indivíduos do Município de São Paulo: estudo de base populacional (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated author: VERLY JUNIOR, ELISEU - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HSP
  • DOI: 10.11606/T.6.2012.tde-19012012-163412
  • Subjects: PESQUISA E PLANEJAMENTO ESTATÍSTICO; CONSUMO DE ALIMENTOS (ESTIMATIVA); INGESTÃO (ESTIMATIVA); HÁBITOS ALIMENTARES; MÉTODOS EPIDEMIOLÓGICOS; PRECISÃO DO TESTE; QUESTIONÁRIOS
  • Keywords: Consumo Alimentar; Epidemiologia; Epidemiology; Food Intake; Nutrição; Nutrition
  • Agências de fomento:
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A estimativa da ingestão habitual de alimentos requer o uso de técnicas estatísticas apropriadas. Para alguns alimentos, é possível observar consumo igual a zero em um ou vários dias de coleta, mesmo em indivíduos que os consomem periodicamente. Assim, os métodos devem ser capazes de tratar duas questões: 1) a distribuição com zero inflacionado; e 2) a correlação existente entre a probabilidade de consumir um alimento e a quantidade (tamanho da porção) consumida do mesmo. Objetivo: Investigar aspectos metodológicos do um método para estimar o consumo habitual de alimentos, bem como sua aplicação em estudo na população. Métodos: Inicialmente, utilizando amostra do National Health and Nutrition Examination Survey 2007-2008, foram estimadas distribuição do consumo habitual de vegetais verdes escuros a partir de amostras de diferentes tamanhos e diferentes percentuais de indivíduos com dois recordatórios de 24 horas (R24h). Posteriormente, foram utilizados dados do Inquérito de Saúde de São Paulo, estudo transversal, de base populacional, (n=716), cujos participantes responderam dois R24 horas e um questionário de freqüência alimentar (QFA). Verificou-se o efeito da inclusão do QFA como co-variável na melhora da predição do modelo do consumo de alimentos. Por fim, utilizando modelagem bivariada, estimou-se a ingestão habitual de porções de grupos alimentares recomendado pelo Guia Alimentar para População Brasileira, e calculou-se o percentual de indivíduo que não atingiram a recomendação.Para os três propósitos, a ingestão habitual foi estimada pelo método do National Cancer Institute. Resultados: A precisão das estimativas de consumo habitual reduziu quando menores taxas de replicação foram utilizadas. Para estudos que objetivam o cálculo da média ou o percentual de indivíduos com consumo abaixo de um dado ponto de corte, a redução da precisão pode não representar um importante viés. Para alimentos com elevado percentual de não consumidores, a inclusão simultânea do QFA e de uma variável indicadora de consumo resultou em melhor predição, ressaltando que a inclusão de somente a variável indicadora já se mostrou satisfatória. O percentual de indivíduos com consumo habitual das porções dos grupos de alimentos abaixo do recomendado pelo Guia Alimentar foi: 88 por cento para cereais, tubérculos, raízes e derivados; 43 por cento para feijões; 11 por cento para carnes e ovos; 100 por cento para leite e derivados; 95 por cento para frutas e sucos de frutas naturais; 72 por cento para legumes e verduras; 83 por cento para açúcares e doces; e 93 por cento para óleos, gorduras e sementes oleaginosas.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.01.2012
  • Online source accessDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2012.tde-19012012-163412 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VERLY JUNIOR, Eliseu; MARCHIONI, Dirce Maria Lobo. Ingestão habitual de alimentos entre indivíduos do Município de São Paulo: estudo de base populacional. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-19012012-163412/pt-br.php > DOI: 10.11606/T.6.2012.tde-19012012-163412.
    • APA

      Verly Junior, E., & Marchioni, D. M. L. (2012). Ingestão habitual de alimentos entre indivíduos do Município de São Paulo: estudo de base populacional. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-19012012-163412/pt-br.php
    • NLM

      Verly Junior E, Marchioni DML. Ingestão habitual de alimentos entre indivíduos do Município de São Paulo: estudo de base populacional [Internet]. 2012 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-19012012-163412/pt-br.php
    • Vancouver

      Verly Junior E, Marchioni DML. Ingestão habitual de alimentos entre indivíduos do Município de São Paulo: estudo de base populacional [Internet]. 2012 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-19012012-163412/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020