Exportar registro bibliográfico

Caracterização do gene LmHUS1 e de sua participação no fenômeno de amplificação gênica em Leishmania spp. (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: NUNES, VINÍCIUS SANTANA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBP
  • Subjects: LEISHMANIA; GENOMAS (MANUTENÇÃO); DNA (REPARAÇÃO); AMPLIFICAÇÃO DE GENES; RESISTÊNCIA MICROBIANA ÀS DROGAS
  • Keywords: Rad9/Rad1/Hus1; DNA repair; gene amplification; genome maintenance; Leishmania major
  • Language: Português
  • Abstract: O parasita protozoário Leishmania apresenta um genoma plástico e dinâmico onde a amplificação gênica e translocações cromossomais são fenômenos comuns. Tal plasticidade sugere a necessidade de mecanismos robustos de reparo do DNA e de manutenção do genoma. A célula eucariótica desenvolveu sistemas de controle checkpoint que reconhecem estruturas alteradas de DNA e bloqueiam a progressão do ciclo celular permitindo que o reparo do DNA aconteça. Nestas células, o complexo heterotrimérico formado pelas proteínas Hus1, Rad9, e Rad1 participa nas etapas iniciais de reconhecimento e sinalização do estresse replicativo. Neste trabalho mostramos que a proteína Hus1 homóloga de Leishmania major é uma proteína nuclear que melhora a capacidade do parasito em lidar com o estresse replicativo. A análise de northern e PCR em tempo real mostraram que, após a transfecção do gene, a linhagem selecionada apresenta níveis aumentados dos transcritos LmHUS1. A utilização de um anticorpo anti-LmHus1 demonstrou o aumento nos níveis da proteína nestas células. Ainda, a superexpressão de LmHus1 confere resistência às drogas genotóxicas hidroxiuréia (HU) e metil metanosulfonato (MMS), e a resistência à HU correlaciona-se com a redução de dano no DNA após a expressão da LmHus1. A ruptura de um dos alelos LmHUS1 diminui os níveis do seu produto, compromete o crescimento do parasito e proporciona discreta diminuição na resistência às drogas genotóxicas. Resultados preliminares associam a expressão da LmHus1 ao fenômeno de amplificação gênica em L. major. Além disso, a possível quinase Chk1, efetora da sinalização iniciada em Hus1, foi clonada e transfectada no parasito, o anticorpo anti-Chk1 também foi produzido. Finalmente, considerando que LmHus1 funcione na detecção do dano e controle de defeitos na replicação de DNA, formulamos a hipótese de que o produto deste gene atue naforquilha de replicação e participe no fenômeno de rearranjo do DNA e na formação de amplicons neste parasito
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.09.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NUNES, Vinícius Santana; TOSI, Luiz Ricardo Orsini. Caracterização do gene LmHUS1 e de sua participação no fenômeno de amplificação gênica em Leishmania spp.. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17136/tde-18102011-151410/ >.
    • APA

      Nunes, V. S., & Tosi, L. R. O. (2011). Caracterização do gene LmHUS1 e de sua participação no fenômeno de amplificação gênica em Leishmania spp. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17136/tde-18102011-151410/
    • NLM

      Nunes VS, Tosi LRO. Caracterização do gene LmHUS1 e de sua participação no fenômeno de amplificação gênica em Leishmania spp. [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17136/tde-18102011-151410/
    • Vancouver

      Nunes VS, Tosi LRO. Caracterização do gene LmHUS1 e de sua participação no fenômeno de amplificação gênica em Leishmania spp. [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17136/tde-18102011-151410/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021