Exportar registro bibliográfico

Sistema modelo de eletrocatalisadores Pt/Au para o estudo da eletrooxidação de etanol (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: PRIETO, MAURICIO JAVIER - IQSC
  • Unidade: IQSC
  • Assunto: ELETROQUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: A aplicação de etanol em células a combustível de álcool direto está limitada pela forte desativação do ânodo devido ao envenenamento com espécies geradas durante a reação de oxidação. Apesar desta limitação, a reação de oxidação de etanol continua sendo estudada por vários grupos de pesquisa, uma vez que este combustível seria um candidato interessante se a via reacional de oxidação completa fosse seguida, devido ao elevado número de elétrons obtidos por molécula de etanol consumida. No intuito de resolver os problemas existentes para a aplicação comercial de células a combustível de etanol direto, novos materiais catalisadores vem sendo testados visando um aumento na eficiência de oxidação, por meio do aumento na seletividade para produção de CO2. Dentre todos os materiais testados, os chamados de caroço-casca com caroço de metal não nobre e casa de metal nobre são os que tem captado a atenção dos pesquisadores na última década, uma vez que, além de permitir o ajuste das propriedades catalíticas da fase ativa na casca pela correta seleção dos materiais, a quantidade de Pt utilizada como fase catalítica principal diminui drasticamente, diminuindo consequêntemente os custos de produção. No entanto, este novo tipo de catalisadores não tem sido amplamente testados para a eletrooxidação de etanolNo presente trabalho propõe-se o uso de substratos de Au mono e policristalinos modificados superficialmente com Pt para o estudo da reação de oxidação de etanol. Serão apresentados os resultados obtidos no estudo da influência da concentração superficial de Pt depositada na distribuição dos produtos da eletrooxidação de etanol. Os resultados mostram que o depósito que possui a menor quantidade de Pt tem uma habilidade maior para quebrar a ligação C-C. Porém quanto menor a quantidade de Pt depositada na superfície de Au, maior é o efeito de desativação. Estes comportamentos são explicados pelas estruturas superficiais formadas pelos depósitos. Adicionalmente, são apresentados os resultados obtidos no estudo sistemático da influência de defeitos superficiais nos substratos de Au na atividade catalítica de camadas de Pt. Os resultados sugerem que, mesmo que os substratos de Au não estejam em contato com a solução eletrolítica devido ao grau de cobertura utilizado, a presença de defeitos nos substratos de Au induzem variações na distribuição de produtos resultantes da eletrooxidação de etanol. Mais especificamente, quanto maior é a densidade de defeitos nos substratos de Au a via de produção de ácido acético é favorecida, com a consequênte inibição na produção de C'O IND.2'
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.08.2011

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PRIETO, Mauricio Javier; TREMILIOSI FILHO, Germano. Sistema modelo de eletrocatalisadores Pt/Au para o estudo da eletrooxidação de etanol. 2011.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2011.
    • APA

      Prieto, M. J., & Tremiliosi Filho, G. (2011). Sistema modelo de eletrocatalisadores Pt/Au para o estudo da eletrooxidação de etanol. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Prieto MJ, Tremiliosi Filho G. Sistema modelo de eletrocatalisadores Pt/Au para o estudo da eletrooxidação de etanol. 2011 ;
    • Vancouver

      Prieto MJ, Tremiliosi Filho G. Sistema modelo de eletrocatalisadores Pt/Au para o estudo da eletrooxidação de etanol. 2011 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021