Exportar registro bibliográfico

Silagem de colostro: caracterização do perfil de fermentação anaeróbia e desempenho de bezerros leiteiros (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: FERREIRA, LUCAS SILVEIRA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LZT
  • Subjects: ALEITAMENTO ANIMAL; BEZERROS (DESEMPENHO); BOVINOS LEITEIROS; DIETA ANIMAL; FERMENTAÇÃO ANAERÓBICA; SILAGEM; SUCEDÂNEO DO LEITE PARA ANIMAIS; VALOR NUTRITIVO
  • Language: Português
  • Abstract: Valor nutritivo. Resumo O objetivo deste estudo foi caracterizar o perfil de fermentação anaeróbia de colostro e determinar seu valor nutritivo, assim como avaliar o desempenho de bezerros leiteiros alimentados com silagem de colostro como dieta líquida. No primeiro experimento, colostro bovino de segunda e terceira ordenhas foi fermentado em garrafas plásticas tipo PET que foram cheias e ligeiramente pressionadas antes do seu fechamento, criando assim uma condição anaeróbia. As garrafas foram armazenadas em sala escura à temperatura ambiente e cinco garrafas foram abertas 0,1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 14, 21, 28 e 56 dias após, para determinação de pH, acidez titulável, temperatura, ácido lático, nitrogênio total, nitrogênio não-protéico (NNP), caseína, lactose, glicose, gordura e contagem de microorganismos. Os valores de pH, acidez titulável e concentração de ácido lático apresentaram variação durante o armazenamento (P<0,0001). A fração NNP apresentou aumento (P<0,0001), enquanto que os valores de caseína e lactose diminuíram (P<0,0001) e apresentaram baixos valores após 56 dias. O desenvolvimento de bactérias ácido-láticas (BAL) foi intenso durante o processo fermentativo, enquanto que enterobactérias e leveduras apresentaram declínio. No segundo experimento, colostro bovino de segunda e terceira ordenhas foi fermentado da mesma forma que no primeiro experimento, mas em diferentes condições de temperaturas ambientais. As garrafas foram armazenadas em incubadora BOD com temperatura controlada (32,5±1°C ou 22,5±1°C) ou em sala escura à temperatura ambiente, sendo abertas três garrafas após 0, 1, 7, 14, 21, 28 e 35 dias para avaliação dos mesmos parâmetros avaliados no primeiro estudo. A maioria dos parâmetros apresentou comportamento semelhante ao observado no primeiro experimento. O desenvolvimento de BAL foi intenso, principalmente quando o colostrofoi armazenado em temperatura mais elevada. A temperatura também afetou os parâmetros nutricionais (P<0,0001) com acréscimos nos valores de NNP e redução da concentração de caseína e lactose. No terceiro experimento, dezoito bezerros Holandês foram alocados em abrigos individuais até a oitava semana de vida, com livre acesso à água e concentrado inicial, e passaram a receber 4L da dieta líquida, sucedâneo lácteo ou colostro fermentado sob condições anaeróbicas (silagem de colostro), diluído na razão de 1:1. Os animais alimentados com silagem de colostro apresentaram menor consumo de concentrado, ganho de peso diário e peso vivo (P<0,07) durante o período experimental, em comparação aos animais consumindo sucedâneo lácteo. As avaliações quanto à altura na cernelha, perímetro torácico e largura da garupa não apresentaram diferenças (P>0,07). Todos os parâmetros sanguíneos avaliados (glicose, N-uréico, ácidos graxos livres e -hidroxibutirato) foram afetados pelos tratamentos (P<0,07), exceto a concentração plasmática de proteínas totais (P>0,07). O escore fecal foi afetado pelos tratamentos durante a segunda semana de vida (P<0,07), com animais alimentados com silagem de colostro apresentando fezes anormais e muito secas. A dinâmica fermentativa observada mostra que o colostro pode ser conservado através de fermentação anaeróbia de forma eficiente. Entretanto, o fornecimento de silagem de 12 colostro como dieta líquida exclusiva durante o período de aleitamento não resulta em desempenho animal adequado, não sendo uma boa alternativa de substituto de leite
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.10.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, Lucas Silveira; BITTAR, Carla Maris Machado. Silagem de colostro: caracterização do perfil de fermentação anaeróbia e desempenho de bezerros leiteiros. 2011.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19102011-142638/ >.
    • APA

      Ferreira, L. S., & Bittar, C. M. M. (2011). Silagem de colostro: caracterização do perfil de fermentação anaeróbia e desempenho de bezerros leiteiros. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19102011-142638/
    • NLM

      Ferreira LS, Bittar CMM. Silagem de colostro: caracterização do perfil de fermentação anaeróbia e desempenho de bezerros leiteiros [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19102011-142638/
    • Vancouver

      Ferreira LS, Bittar CMM. Silagem de colostro: caracterização do perfil de fermentação anaeróbia e desempenho de bezerros leiteiros [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11139/tde-19102011-142638/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021