Exportar registro bibliográfico

Contribuição para o estudo do controle e da prevenção das infecções relacionadas à assistência a saúde (2011)

  • Autor:
  • Autor USP: COSTA, SILVIA FIGUEIREDO - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MIP
  • Subjects: ASSISTÊNCIA À SAÚDE; CONTROLE DE INFECÇÕES; TÉCNICAS BACTERIOLÓGICAS; SURTOS DE DOENÇAS; RESISTÊNCIA MICROBIANA ÀS DROGAS
  • Language: Português
  • Abstract: A prevenção e controle das Infecções Relacionadas à Assistência a Saúde (IRAS) têm impacto na morbidade, mortalidade e no custo da assistência à saúde. O objetivo do presente estudo é descrever os trabalhos realizados pela autora que contribuíram para o controle e prevenção das IRAS. Foram selecionados estudos realizados ou orientados pela autora nos quais foram aplicados métodos moleculares ou de intervenção educacional no controle e prevenção das IRAS. Os trabalhos foram agrupados segundo o aspecto estudado em quatro categorias: I) Dois estudos prospectivos nos quais foi avaliada a fonte de IRAS; II) Três estudos da resistência antimicrobiana; III) Três estudos de controle de surtos; IV) Quatro estudos de intervenção educacional. Os estudos sobre a fonte das infecções relacionadas à assistência à saúde permitiram avaliar por meio de tipagem molecular a origem da infecção por Staphylococcus coagulase negativa e Candida na corrente sanguínea. Aquele por Staphylococcus coagulase negativa mostrou que o trato gastrintestinal era uma fonte mais frequente que a pele, já o estudo de candidemia evidenciou que o trato gastrintestinal era uma fonte importante de C. albicans e que a C. parapsilosis está associada à fonte exógena. Nos estudos de mecanismos de resistência foram avaliados Acinetobacter e P. aeruginosa, resistentes aos carbapenêmicos e foi constatado que as carbapenemases são mecanismos de resistência importante nesses agentes, entretanto, a concentração inibitória mínima, bastante elevada para este antibiótico, não pode ser explicada por apenas este mecanismo de resistência. Nos isolados de Acinetobacter foi demonstrada também a alteração das proteínas da membrana externa. A tipagem molecular, por sua vez, evidenciou que os isolados de P. aeruginosa resistentes aos carbapenêmicos são policlonais apontando para associação da resistência aos carbapenêmicos com a pressão seletiva do uso deantibióticos. Os estudos de controle de surtos mostraram, mediante a diversidade genética, que ocorreu transmissão cruzada no surto de C. parapsilosis, e que o mesmo clone foi identificado nas mãos dos profissionais da saúde e no sangue dos pacientes, bem como, havia uma fonte comum nos surtos de Enterobacter cloacae e no primeiro surto de P. aeruginosa SPM positivas resistentes aos carbapenêmicos. Em contrapartida, foi evidenciado, também por tipagem molecular, que os isolados de P. aeruginosa do segundo surto eram policlonais, diferentes do primeiro surto, e que eram portadores de duas carbapenemases (SPM e VIM-2). Estes surtos foram controlados com medidas básicas como reforço da higiene das mãos e cuidado com o cateter venoso central. Os dois estudos de intervenção educacional foram realizados em unidades de terapia invasiva com o objetivo de reduzir as taxas de infecção de corrente sanguínea associada a cateter venoso central. No primeiro estudo, no período observacional, foram identificados os principais problemas no cuidado do CVC e focada a intervenção nas medidas para a solução desses problemas. Este estudo permitiu que se reduzisse em 40% as taxas de ICS-CVC, que eram muito altas em uma UTI clínica do Instituto Central do HC-FMUSP. Apesar da importância da redução, as taxas de infecção permaneceram acima do desejado, e um segundo estudo foi desenvolvido. Neste estudo o objetivo era reduzir ao máximo as taxas de infecção de corrente sanguínea associada a cateter venoso central, na mesma unidade de terapia intensiva. Foram comparados dois tipos de intervenção educacional, uma continuada, baseada nos problemas da unidade, e outra pontual, com apenas uma palestra sobre cuidados com CVC, apresentada em uma unidade controle. As taxas de infecção de corrente sanguínea associada a cateter venoso central na unidade na qual foi aplicada a intervenção educacional continuada foram reduzidas para zero, de forma sustentadaenquanto a unidade que recebeu intervenção pontual apresentou apenas redução transitória das taxas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.07.2011

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COSTA, Silvia Figueiredo. Contribuição para o estudo do controle e da prevenção das infecções relacionadas à assistência a saúde. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011.
    • APA

      Costa, S. F. (2011). Contribuição para o estudo do controle e da prevenção das infecções relacionadas à assistência a saúde. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Costa SF. Contribuição para o estudo do controle e da prevenção das infecções relacionadas à assistência a saúde. 2011 ;
    • Vancouver

      Costa SF. Contribuição para o estudo do controle e da prevenção das infecções relacionadas à assistência a saúde. 2011 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020