Exportar registro bibliográfico

Análise da legitimidade da proteção penal da ordem econômica (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: SOUZA, LUCIANO ANDERSON DE - FD
  • Unidade: FD
  • Sigla do Departamento: DPM
  • Subjects: DIREITO PENAL; DIREITO PENAL ECONÔMICO; ORDEM ECONÔMICA
  • Language: Português
  • Abstract: A imperiosidade de uma eficaz tutela do ambiente econômico parece indiscutível nos dias atuais. A estrutura do sistema capitalista pós-industrial revela, contraditoriamente, características não desejadas pelo próprio modo de produção vigente, o que a sociologia contemporânea entende ser o consectário da reflexividade da sociedade do risco. Neste sentido, os agentes econômicos empreendem comportamentos atentatórios à conformação econômica da sociedade, pondo em risco o regular funcionamento da própria economia. Nesse contexto, o Direito, mormente o campo penal, é utilizado para tentar rechaçá-los. Ocorre que tal emprego do ramo jurídico-criminal entra em confronto com seus tradicionais contornos, delineados desde a Ilustração. Complexas condutas econômicas são penalmente vedadas, no mais das vezes por meio de formulações tipificadoras antecipatórias, pouco consistentes e com caráter de meio de conformação de comportamentos de alçada administrativa, consagrando-se a administrativização do ramo jurídico-criminal. O presente estudo tem, então, por objetivo investigar a legitimidade do Direito Penal Econômico. Inicialmente, analisar-se-á o histórico da intersecção entre Direito Penal e economia, para fins de constatação de um possível traço evolutivo. A seguir, delimitar-se-á o que se entende por Direito Penal Econômico, bem como se seria necessário e possível subsumi-lo à teoria do bem jurídico. Uma vez identificada a ordem econômica como objeto de tutela penal, serão verificados seus contornos no ordenamento brasileiro, assim como os problemas dogmáticos decorrentes de sua construção. Após isso, serão investigadas, respectivamente, e de modo complementar, a tentativa de tutela penal da ordem econômica em face do conceito de lesividade penal, vez que se sinaliza neste ponto larga vulneração das formulações típicas comumente (Continua)(Continuação) editadas, bem como a possibilidade, ou não, de justificação da tutela penal na seara econômica em razão da teoria da cumulatividade delitiva, a qual prescinde da aferição de lesividade concreta. Serão constatadas, seqüencialmente, teorias que pretendem equacionar a administrativização do Direito Penal hodierno, destacando-se a proposta administrativo-sancionadora. Por fim, concluir-se-á pela melhor construção jurídica a regrar as infrações econômicas, delimitando-se o papel do Direito Penal neste contexto
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.05.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOUZA, Luciano Anderson de; REALE JÚNIOR, Miguel. Análise da legitimidade da proteção penal da ordem econômica. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2136/tde-10092012-152423/pt-br.php >.
    • APA

      Souza, L. A. de, & Reale Júnior, M. (2011). Análise da legitimidade da proteção penal da ordem econômica. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2136/tde-10092012-152423/pt-br.php
    • NLM

      Souza LA de, Reale Júnior M. Análise da legitimidade da proteção penal da ordem econômica [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2136/tde-10092012-152423/pt-br.php
    • Vancouver

      Souza LA de, Reale Júnior M. Análise da legitimidade da proteção penal da ordem econômica [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2136/tde-10092012-152423/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020