Exportar registro bibliográfico

Caracterização de proteínas provenientes do látex da seringueira Hevea brasiliensis: purificação e avaliação do processo cicatricial e angiogênico (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: PITZ, HELOISA DA SILVA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBI
  • Subjects: LATEX (APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS); CICATRIZAÇÃO; FERIMENTOS E LESÕES
  • Language: Português
  • Abstract: A angiogênese é a formação de novos vasos sanguíneos a partir de vasos preexistentes. Esse evento é de fundamental importância para o processo cicatricial, já que são os novos vasos os responsáveis pelo suprimento de nutrientes e oxigênio na região lesada. Estudos realizados previamente mostraram que o látex da seringueira Hevea brasiliensis, depois de coagulado e cromatografado em coluna DEAE-celulose, gerou uma fração (FrHb 1 ) com atividades de aumento da permeabilidade vascular, indutora de angiogênese, proliferadora de fibroblastos e cicatrizante. Para isolar a molécula responsável pelas atividades descritas, a fração FrHb 1 foi submetida a 3 passas cromatográficos (em coluna Sephadex G-50, coluna preparativa de troca aniônica Asahipak ES 502-NP e coluna Econosil C-18). As frações provenientes das diferentes etapas de purificação foram testadas quanto as suas atividades biológicas. No teste de permeabilidade vascular, a fração FrHb 1.2.3 se destacou por ser a única a apresentar aumento da permeabilidade significativo entre os grupos testados (p = 0,0005, ANOVA). No modelo de indução de angiogênese em membranas corioalantóides de ovos embrionados, a fração FrHb 1.2.2 diferiu significativamente dos outros grupos promovendo menor vascularização na área testada (p = 0,0003, ANOVA). Nenhuma fração foi capaz de aumentar de forma significativa a indução de vasos sanguíneos. A atividade cicatrizante foi avaliada através do modelo de úlceras cutâneas em Grelhas de coelho durante os dias 3, 5, 7, 9, 12 e 14 após ferimento. Nenhum grupo testado foi capaz de diminuir o tempo de fechamento das úlceras de forma significativa. A contagem de células realizada através das laminas histológicas das úlceras mostrou que a fração 1.2.3 duplicou o número de fibroblastos na borda da ferida quando comparada aos outros grupos testados (p < 0,0001, ANOVA). Devido aos resultados obtidas, a fraçãoFrHb 1.2.3 mostrou-se como a mais purificada e ativa dentre todas as frações testadas. Além disso, as evidências nos levam a acreditar que ela possa apresentar similaridades com a molécula de FGF básico devido ao efeito proliferador de fibroblastos e aos epitopos em comum encontrados através de análise por Restem blot com esta molécula. Através das etapas de purificação, uma proteína de massa molecular igual a 19 kDa (FrHb 1.2.2.2) foi purificada e identificada por espectrometria de massas como sendo um isoalergênico de Hev b 6.02
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.05.2011

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PITZ, Heloisa da Silva; COUTINHO NETTO, Joaquim. Caracterização de proteínas provenientes do látex da seringueira Hevea brasiliensis: purificação e avaliação do processo cicatricial e angiogênico. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011.
    • APA

      Pitz, H. da S., & Coutinho Netto, J. (2011). Caracterização de proteínas provenientes do látex da seringueira Hevea brasiliensis: purificação e avaliação do processo cicatricial e angiogênico. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Pitz H da S, Coutinho Netto J. Caracterização de proteínas provenientes do látex da seringueira Hevea brasiliensis: purificação e avaliação do processo cicatricial e angiogênico. 2011 ;
    • Vancouver

      Pitz H da S, Coutinho Netto J. Caracterização de proteínas provenientes do látex da seringueira Hevea brasiliensis: purificação e avaliação do processo cicatricial e angiogênico. 2011 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021