Exportar registro bibliográfico

Reações nucleares de alta energia (\" Spallation\") e sua aplicação em cálculo de sistemas nucleares acionados por  Fonte (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: ROSSI, PEDRO CARLOS RUSSO - IPEN
  • Unidade: IPEN
  • Subjects: FÍSICA NUCLEAR; REAÇÕES NUCLEARES; REATORES NUCLEARES
  • Language: Português
  • Abstract: Neste trabalho apresentamos um estudo das reações nucleares de alta energia que são fundamentais na definição do termo fonte dos reatores nucleares subcríticos acionados por fonte externa. Estas reações nucleares, também conhecidas como \"spallation\", consistem na interação de hádrons de alta energia com os núcleons do núcleo atômico. A fenomenologia destas reações consiste em duas etapas, sendo que à primeira, o próton interage através de espalhamentos múltiplos, em um processo denominado cascata intra-nuclear seguido da etapa na qual o núcleo excitado oriundo da cascata intranuclear ou evapora partículas de forma a atingir estados energéticos moderados ou fissiona, em um processo conhecido como competição entre evaporação e fissão. Neste trabalho os principais modelos nucleares, os modelos de Bertini e Cugnon, são revistos, pois estes modelos são fundamentais para propósito de projeto devido à falta de dados nucleares avaliados para estas reações. A implementação e validação dos métodos de cálculo para o projeto destas fontes são realizadas. A implementação da metodologia é realizada utilizando o programa MCNPX ( \"Monte Carlo N-Particle eXtended\"), dedicado para cálculos de transporte destas partículas e a validação é realizada mediante uma cooperação internacional junto a um projeto coordenado de pesquisa da Agencia Internacional de Energia Atômica e trabalhos disponíveis. O objetivo é qualificar os cálculos relacionados às reações nucleares e os canais de desexcitaçãoenvolvidos. O CRISP, um código nacional para a descrição da fenomenologia das reações envolvidas, também foi estudado e os modelos implementados no código foram revistos e melhorados de forma a dar continuidade ao seu processo de qualificação. Devido às limitações dos principais modelos na descrição de produção de nuclídeos leves, a reação de multi-fragmentação foi estudada. As discrepâncias nos cálculos de produção destes nuclídeos são atribuídas à falta do canal de multi-fragmentação estatística do núcleo. A implementação deste canal foi realizada para a aplicação em reações de altas energias junto ao código CRISP de forma a reproduzir a produção de nuclídeos leves, bem como sua validação mediante a comparação com dados experimentais disponíveis para este fenômeno, obtendo com isso uma melhor reprodução de todo o espectro de produção de nuclídeos do processo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.02.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROSSI, Pedro Carlos Russo; MAIORINO, José Rubens. Reações nucleares de alta energia (\" Spallation\") e sua aplicação em cálculo de sistemas nucleares acionados por  Fonte. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85133/tde-16062011-132603/ >.
    • APA

      Rossi, P. C. R., & Maiorino, J. R. (2011). Reações nucleares de alta energia (\" Spallation\") e sua aplicação em cálculo de sistemas nucleares acionados por  Fonte. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85133/tde-16062011-132603/
    • NLM

      Rossi PCR, Maiorino JR. Reações nucleares de alta energia (\" Spallation\") e sua aplicação em cálculo de sistemas nucleares acionados por  Fonte [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85133/tde-16062011-132603/
    • Vancouver

      Rossi PCR, Maiorino JR. Reações nucleares de alta energia (\" Spallation\") e sua aplicação em cálculo de sistemas nucleares acionados por  Fonte [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85133/tde-16062011-132603/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020