Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Idosos com e sem plano de saúde no município de São Paulo: estudo longitudinal, 2000-2006 (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: HERNANDES, ELIZABETH SOUSA CAGLIARI - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • DOI: 10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103
  • Subjects: IDOSOS (CARACTERÍSTICAS;ASPECTOS SOCIOECONÔMICOS); SAÚDE SUPLEMENTAR (FATORES SOCIOECONÔMICOS;USO); SISTEMA UNIFICADO DE SAÚDE (FATORES SOCIOECONÔMICOS;USO); CONDIÇÕES DE SAÚDE; SERVIÇOS DE SAÚDE (USO); MORBIDADE (EPIDEMIOLOGIA); FATORES SOCIOECONÔMICOS
  • Language: Português
  • Abstract: O grupo sem planos privados realizou menos prevenção contra neoplasias e mais contra doenças respiratórias; esperou mais para ter acesso a consulta de saúde; realizou menos exames pós consulta; referiu menor número de doenças; teve maior proporção de avaliação negativa da própria saúde e relatou mais episódios de queda. Os titulares de planos privados relataram menos dificuldades no desempenho em ABVD e menor adesão à vacinação. Dentre os titulares de planos que se internaram, em 2000, 11,1por cento tiveram sua internação custeada pelo SUS. Em 2006 essa proporção se eleva para 17,9por cento . A única enfermidade associada à condição de titular de plano privado foi a osteoporose. Não houve mudança significativa entre provedores prioritários de serviços de saúde. Conclusão: as associações encontradas relacionaram-se mais às questões sociais e demográficas e ao uso de serviços do que às condições de saúde dos indivíduos.Introdução: Um dos impactos sociais do envelhecimento diz respeito à oferta e demanda de serviços de saúde. O sistema brasileiro garante a prestação de serviços públicos em caráter universal e admite a participação do mercado na provisão de tais serviços. Assim, todo cidadão é usuário potencial de provedores de serviços financiados pelo Estado e pode, simultaneamente, usar provedores de natureza privada. Objetivo: Identificar a ocorrência de mudança de provedor prioritário de serviços de saúde, bem como características socioeconômicas e epidemiológicas e respectiva associação com a condição de ter ou não ter plano de saúde, na população idosa do município de São Paulo, no período 2000 / 2006. Material e método: estudo de coorte desenvolvido no âmbito do Estudo SABE (Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento). A coorte iniciou-se em 2000 com 2.143 participantes de 60 anos e mais e, em 2006, contava com 1.115 pessoas. A variável dependente é ter plano de saúde e as independentes abrangem características sociais e demográficas; morbidade referida; autoavaliação de saúde; atividades básicas de vida diária; ações de prevenção e uso de serviços de saúde. Os dados, obtidos por meio de entrevista domiciliar, foram analisados de forma descritiva e pelo desenvolvimento de um modelo de regressão logística por passos (stepwise). Resultados: Há diferenças, favoráveis aos titulares de planos, nas variáveis renda, escolaridade e condições de vida pregressa.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.04.2011
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      HERNANDES, Elizabeth Sousa Cagliari; LEBRÃO, Maria Lucia. Idosos com e sem plano de saúde no município de São Paulo: estudo longitudinal, 2000-2006. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103 > DOI: 10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103.
    • APA

      Hernandes, E. S. C., & Lebrão, M. L. (2011). Idosos com e sem plano de saúde no município de São Paulo: estudo longitudinal, 2000-2006. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103
    • NLM

      Hernandes ESC, Lebrão ML. Idosos com e sem plano de saúde no município de São Paulo: estudo longitudinal, 2000-2006 [Internet]. 2011 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103
    • Vancouver

      Hernandes ESC, Lebrão ML. Idosos com e sem plano de saúde no município de São Paulo: estudo longitudinal, 2000-2006 [Internet]. 2011 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-14042011-092103

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021