Exportar registro bibliográfico

Condições de saúde bucal de crianças de 5 anos, imigrantes latino-americanas, matriculadas nas escolas públicas do município de São Paulo, 2009 (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MYSUGUTI, ALVARO HIROYUKI - FO
  • Unidades: FO
  • Sigla do Departamento: ODS
  • Subjects: SAÚDE BUCAL; LEVANTAMENTOS EPIDEMIOLÓGICOS; CRIANÇAS EM IDADE PRÉ-ESCOLAR; ODONTOLOGIA SOCIAL
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução - O Brasil tem sido um dos países latino-americanos que, apesar dos grandes contrastes socioeconômicos, tem mantido uma estabilidade política e social favorecendo seu desenvolvimento econômico e, dessa maneira, tem atraído a atenção de pessoas e famílias de países vizinhos que vêem no país um futuro promissor. Nas últimas décadas tem ocorrido um grande aumento no número de pessoas que vêem para o Brasil em busca de mais oportunidades de trabalho e melhores condições de vida. Conhecer o perfil epidemiológico desta população é de fundamental importância a fim de proporcionar políticas públicas adequadas para esta demanda crescente. Objetivo - O presente estudo teve a finalidade de conhecer o perfil epidemiológico das condições de saúde bucal da população de crianças imigrantes latino-americanas e comparar com crianças brasileiras na mesma idade de 5 (cinco) anos matriculadas nas escolas públicas do município de São Paulo. Métodos - A amostra foi do tipo conglomerado em duas etapas: na primeira etapa foram sorteadas 35 pré-escolas municipais (EMEI) estratificadas por regiões da cidade e em uma segunda etapa foram sorteadas 230 crianças imigrantes latino-americanas e 230 crianças brasileiras, totalizando uma amostra de 460 crianças. Foi realizado exame bucal para avaliar as condições de saúde bucal, de acordo com metodologia recomendada pela Organização Mundial da Saúde (1997), e um inquérito estruturado dirigido aos responsáveis foi utilizado para avaliar o acessoaos serviços odontológicos, condições sócio-econômicas, percepção e atitude dos pais em relação à saúde bucal de seus filhos. Resultados Foram examinadas 217 crianças imigrantes latinas, sendo que 89,8% eram bolivianas, 5,1% eram peruanas e 5,1% eram paraguaias. Foram examinadas 215 crianças brasileiras. No grupo de crianças imigrantes 12,9% apresentavam-se livres de cárie, enquanto no grupo de crianças brasileiras 49,8% apresentavam-se livres de cárie. O grupo de crianças imigrantes latinas apresentou ceo-d = 6,18 e índice SiC = 10,69 enquanto que no grupo de crianças brasileiras o índice ceo-d foi de 2,21 e o índice SiC foi de 5,69. O fenômeno de polarização ficou mais evidente no grupo de crianças brasileiras no qual 34% das crianças concentraram 87% da doença cárie dentária. Conclusões Através dos resultados encontrados neste estudo, conclui-se que as crianças imigrantes latino-americanas apresentam piores condições de saúde bucal, quando comparadas com as crianças brasileiras. O grupo de crianças imigrantes apresenta piores condições socioeconômicas e demográficas. Está ocorrendo o fenômeno de polarização da doença cárie no grupo de crianças brasileiras
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.01.2011

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MYSUGUTI, Alvaro Hiroyuki; FRIAS, Antônio Carlos. Condições de saúde bucal de crianças de 5 anos, imigrantes latino-americanas, matriculadas nas escolas públicas do município de São Paulo, 2009. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-02052011-121431/ >.
    • APA

      Mysuguti, A. H., & Frias, A. C. (2011). Condições de saúde bucal de crianças de 5 anos, imigrantes latino-americanas, matriculadas nas escolas públicas do município de São Paulo, 2009. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-02052011-121431/
    • NLM

      Mysuguti AH, Frias AC. Condições de saúde bucal de crianças de 5 anos, imigrantes latino-americanas, matriculadas nas escolas públicas do município de São Paulo, 2009 [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-02052011-121431/
    • Vancouver

      Mysuguti AH, Frias AC. Condições de saúde bucal de crianças de 5 anos, imigrantes latino-americanas, matriculadas nas escolas públicas do município de São Paulo, 2009 [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23148/tde-02052011-121431/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020