Exportar registro bibliográfico

Mecanismos de toxicidade do conteúdo de sinalizadores luminosos (light-sticks) - formação de adutos com DNA e dano oxidativo em células em cultura (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, AMANDA LUCILA MEDEIROS DA - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBC
  • Subjects: CITOTOXICIDADE IMUNOLÓGICA; HIDROCARBONETOS POLICÍCLICOS (TOXICIDADE); ESTRESSE OXIDATIVO
  • Language: Português
  • Abstract: Bastões plásticos quimioluminescentes, chamados light sticks, são usados por companhias pesqueiras e descartados nas praias. Moradores locais utilizam seus conteúdos como repelentes, óleo bronzeador e medicamento para dores nas articulações. Nós investigamos a reatividade das soluções de bastões de light sticks coletados em praias brasileiras e a toxicidade celular de seus conteúdos e também de soluções de light stick de bastões novos. Produtos da reação dos conteúdos de light stick descartado com 2'-desoxiguanosina (dGuo) foram analisados por HPLC/UV/ESI-MS/MS. Um aduto foi purificado e caracterizado em espectrômetro de massas por Dissociação Induzida por Colisão (CID) e através de experimentos de ´ANTPOT.1H´RMN. A estrutura do aduto revelou que o produto de degradação de bis(triclorofenil)oxalato é reativo para nucleófilos in vitro. O mesmo aduto foi detectado em DNA de timo de bezerro incubado in vitro com a solução do light stick descartado pelo uso HPLC/ESI-MS/MS. Além do DNA, albumina também foi modificada pelos conteúdos de light stick descartado. Células HepG2 foram incubadas por 16 h com 0.0125% - 0.12% (v/v) das soluções de light sticks: (i) coletadas na praia, (ii) obtidas imediatamente após a reação quimioluminescente no laboratório, e (iii) previamente a reação, contendo ou n-butil-ftalato, difenilantraceno, e bis(triclorofenil)oxalato (solução 1), ou dimetil-ftalato, ´HIND.2´´OIND.2´, e salicilato de sódio (solução 2). A sobrevivência celular foi avaliada pelo teste do XTT,corante cristal violeta e lactato desidrogenase realizados em placas de 96 poços. Com as concentrações testadas foram obtidas significativamente a morte celular. O dano oxidativo ao DNA celular foi avaliado pela análise da 8-oxo-2'-desoxiguanosina através do equipamento HPLC/ESI-MS/MS, que revelou aumento de alterações nas células tratadas com 0.006% das soluções de light stick de bastões descartados e novos. Nossos dados apontam genotoxicidade e citotoxicidade das soluções de light sticks e podem contribuir como alerta a autoridades públicas para proibição do uso incontrolado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.09.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Amanda Lucila Medeiros da; LOUREIRO, Ana Paula de Melo. Mecanismos de toxicidade do conteúdo de sinalizadores luminosos (light-sticks) - formação de adutos com DNA e dano oxidativo em células em cultura. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-31012011-141825/ >.
    • APA

      Silva, A. L. M. da, & Loureiro, A. P. de M. (2010). Mecanismos de toxicidade do conteúdo de sinalizadores luminosos (light-sticks) - formação de adutos com DNA e dano oxidativo em células em cultura. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-31012011-141825/
    • NLM

      Silva ALM da, Loureiro AP de M. Mecanismos de toxicidade do conteúdo de sinalizadores luminosos (light-sticks) - formação de adutos com DNA e dano oxidativo em células em cultura [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-31012011-141825/
    • Vancouver

      Silva ALM da, Loureiro AP de M. Mecanismos de toxicidade do conteúdo de sinalizadores luminosos (light-sticks) - formação de adutos com DNA e dano oxidativo em células em cultura [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-31012011-141825/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020