Exportar registro bibliográfico

Caracterização das populações de cães e gatos domiciliadas no município de São Paulo (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: CANATTO, BIANCA DAVICO - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Subjects: CONTROLE POPULACIONAL DE ANIMAIS; CÃES; GATOS; ZOONOSES; CONTROLE POPULACIONAL DE ANIMAIS
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho teve como objetivo estimar as populações canina e felina domiciliadas nos distritos administrativos do município de São Paulo, caracterizando-as demograficamente, bem como o oferecimento de cuidados veterinários e a forma de manutenção dos animais em domicílio. Para tal, utilizou-se amostragem complexa com seleção aleatória em dois estágios: setores censitários e domicílios. Em cada distrito administrativo, foram visitados seis setores censitários e 20 domicílios em cada setor sorteado. De setembro de 2006 a setembro de 2009, um total de 11.272 entrevistas foram feitas. A média de cão/domicílio com cão foi estimada em 1,60 e a média de gato/domicílio com gato, 1,69. A razão homem:cão foi estimada em 4,34 e a razão homem:gato, 19,33. A partir da população humana de 10.882.121 habitantes, no ano de 2007, estimou-se a população animal em 2.507.401 cães e 562.965 gatos. A população canina é composta de 52,7% de machos, enquanto a felina, de 45,1%. A proporção de felinos castrados (39,0%) foi superior a dos caninos (17,1%), considerando ambos os gêneros. As proporções de fêmeas esterilizadas (23,4% dentre os cães e 46,1% dentre os gatos) são superiores às de machos (11,4% dentre os cães e 31,5% dentre os gatos), em ambas as espécies. A idade média de cães foi estimada em 4,99 anos e a de gatos, 3,53 anos. A proporção de gatos não vacinados contra a raiva nos últimos 12 meses (6,8%) foi superior à proporção de cães (1,6%). A proporção de cães com restrição de acesso à rua (64,4%) foi superior à dos gatos (42,5%). A restrição e a esterilização dos animais são reflexos da posse responsável que deve ser incessantemente discutida e divulgada a fim de promover conscientização dos proprietários quanto aos modos de manutenção e oferecimento de cuidados veterinários. A caracterização das populações animais é a base da estruturação de programas de controle populacional e dezoonoses. Estudos populacionais que respeitam a heterogeinedade dos aspectos administrativos e geográficos de um município, permitem medidas de ações em saúde mais direcionadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.09.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CANATTO, Bianca Davico; DIAS, Ricardo Augusto. Caracterização das populações de cães e gatos domiciliadas no município de São Paulo. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-03022011-131309/ >.
    • APA

      Canatto, B. D., & Dias, R. A. (2010). Caracterização das populações de cães e gatos domiciliadas no município de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-03022011-131309/
    • NLM

      Canatto BD, Dias RA. Caracterização das populações de cães e gatos domiciliadas no município de São Paulo [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-03022011-131309/
    • Vancouver

      Canatto BD, Dias RA. Caracterização das populações de cães e gatos domiciliadas no município de São Paulo [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-03022011-131309/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021