Exportar registro bibliográfico

Afecções cirúrgicas em aves: estudo retrospectivo (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: CASTRO, PATRICIA FERREIRA DE - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCI
  • Subjects: CIRURGIA VETERINÁRIA; ORTOPEDIA; ANIMAIS SILVESTRES; PSITACIFORMES
  • Language: Português
  • Abstract: As aves representam a grande maioria das espécies da fauna silvestre mantidas como animais de companhia em nosso meio e respondem diretamente pela crescente demanda pelo atendimento médico veterinário. O avanço na área da anestesiologia viabilizou a realização de procedimentos cirúrgicos mais longos e complexos e contribuiu para o desenvolvimento e aprimoramento da técnica operatória em aves, contudo, dados nacionais de casuística relacionados às afecções cirúrgicas de aves ainda são inexistentes. Assim, este estudo avaliou retrospectivamente as operações realizadas em aves no Serviço de Cirurgia de Pequenos Animais do Hospital Veterinário da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo, entre janeiro de 2000 a junho de 2008, com o objetivo de identificar as afecções cirúrgicas, apresentar sua ocorrência e distribuição de freqüência segundo as ordens e espécies acometidas, avaliar as técnicas operatórias empregadas e comparar os dados obtidos com os achados da literatura. De um total de 90 operações realizadas para diagnóstico e/ou tratamento de afecções, 27 foram ortopédicas e 63 de tecidos moles. Quanto ao percentual de operações ortopédicas realizadas segundo as diferentes ordens, observou-se: Psittaciformes 85,19%, Piciformes 7,41%, Anseriformes 3,70% e Falconiformes 3,70%. Para as operações de tecidos moles os psitaciformes representaram 92,06%, columbiformes 3,17%, passeriformes 3,17% e anseriformes 1,59%. Entre os tipos de afecções ortopédicas encontradas as fraturas apresentaram a maior ocorrência (88,89%), seguidas de luxação (3,70%), avulsão traumática de extremidade (3,70%) e artrite/osteomielite (3,70%), o membro pélvico foi o mais acometido e o tibiotarso o osso mais fraturado. Dentre as afecções cirúrgicas de tecidos moles as neoplasias apresentaram a maior ocorrência (30,16%), seguida das neoformações cutâneas ou de anexos não neoplásicos (17,46%),neoformações cutâneas sem diagnóstico (7,94%), distocia (7,94%), fístula de papo (7,94%), hérnia abdominal (4,76%), sinusite (4,76%), gangrena de extremidade de membros (3,17%), perfuração de esôfago (3,17%), prolapso de cloaca (3,17%), Necrose avascular de dígito (1,59%), ferida na região da quilha (1,59%), perfuração de cavidade celomática (1,59%), neoformação em cavidade celomática sem diagnóstico (1,59%), corpo estranho em trato gastrointestinal (1,59%) e otite (1,59%). O lipoma foi a neoplasia e o cáseo a neoformação não neoplásica mais freqüentes. A distribuição das afecções cirúrgicas segundo as espécies acometidas mostrou o grupo dos papagaios, representado em sua maioria por espécies do gênero Amazona, como prevalente. A fixação interna com pino intramedular foi a técnica operatória mais utilizada nas afecções cirúrgicas ortopédicas e apresentou elevado índice de retorno à função para tratamento das fraturas. A exérese foi a técnica operatória mais utilizada nas afecções cirúrgicas de tecidos moles e mostrou índices elevados de cura e baixa ocorrência de recidivas. O conhecimento das afecções cirúrgicas e das espécies de aves mais acometidas, bem como dos resultados obtidos com as técnicas operatórias empregadas, acrescentam informações para aqueles que já atuam nesta área e servem como indicador de estudo para futuros cirurgiões de aves
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.08.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CASTRO, Patricia Ferreira de; MATERA, Julia Maria. Afecções cirúrgicas em aves: estudo retrospectivo. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-09022011-144207/ >.
    • APA

      Castro, P. F. de, & Matera, J. M. (2010). Afecções cirúrgicas em aves: estudo retrospectivo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-09022011-144207/
    • NLM

      Castro PF de, Matera JM. Afecções cirúrgicas em aves: estudo retrospectivo [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-09022011-144207/
    • Vancouver

      Castro PF de, Matera JM. Afecções cirúrgicas em aves: estudo retrospectivo [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-09022011-144207/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021