Exportar registro bibliográfico

Qualidade da água utilizada por uma população de zona rural de Fortaleza de Minas - MG: um risco à saúde pública (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: PRADO, ELIANA LEÃO DO - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERM
  • Subjects: ABASTECIMENTO DE ÁGUA; POPULAÇÃO RURAL; QUALIDADE DA ÁGUA; SANEAMENTO RURAL; SAÚDE PÚBLICA
  • Language: Português
  • Abstract: Saneamento ambiental é um dos mais importantes meios de controle da prevenção de doenças, de conservação do meio ambiente e de promoção da saúde. Porém, não é uma realidade em todas as partes do mundo, principalmente nos países em desenvolvimento, onde ainda se pode encontrar áreas urbanas densamente povoadas com precárias condições de saneamento, representando uma grande preocupação para os profissionais da área de saúde pública. Essa problemática revela-se particularmente importante para as pessoas que estão mais expostas a possíveis riscos de contaminação, devido à falta de infra-estrutura de saneamento, principalmente nos ambientes rurais. Este estudo teve como objetivo verificar a condição da qualidade da água utilizada para consumo humano, na comunidade da zona rural de Fortaleza de Minas - MG, por meio da identificação da origem, captação, tratamento, armazenamento e distribuição da água consumida e da análise dos seus parâmetros microbiológicos, físicos e químicos. Visou também levantar a percepção da população em relação à qualidade da água consumida. O estudo foi desenvolvido na Comunidade Rural do Bairro Chapadão do município, tendo sido utilizada a técnica de Tubos Múltiplos para as análises microbiológicas; para a identificação e quantificação dos metais, empregou-se a técnica de Espectrometria de Emissão Atômica - ICP-AES e, para os agrotóxicos, a técnica de cromatografia líquida de alta eficiência. Também foram feitas entrevistas com 15 sujeitos da comunidade rural, incluídos neste estudo. Foi detectada a presença de Escherichia coli e Coliformes Totais em todas as amostras de água investigadas, acima do valor permitido pela Portaria do Ministério da Saúde - MS no 518/2004. Foram detectados valores acima do máximo permitido para turbidez, cor aparente e pH, previstos pela Portaria MS no 518/2004. A presença dos metais arsênio,cádmio, chumbo, cobre, cromo, ferro e manganês, em algumas amostras de água, apresentaram valores acima do permitido pela Portaria MS no 518/2004. Os agrotóxicos α e β-endossulfam e metalaxil não foram identificados nas amostras de água. O método de validação desenvolvido para análise dos agrotóxicos α e β-endossulfam e metalaxil foi considerado eficiente, podendo ser empregado em futuras análises para o monitoramento de α e β-endossulfam e metalaxil em água para consumo humano. Quanto à percepção dos sujeitos sobre a qualidade da água, foi levantado que 66,67% dos entrevistados não utilizavam nenhum tipo de tratamento para a água consumida, e o mesmo percentual referiu armazenar a água em caixas de amianto. Quando perguntados sobre a qualidade da água consumida, mesmo os 46,67% dos sujeitos que referiram considerar a água de boa qualidade, também destacaram não saber se a mesma continha "veneno". Os resultados evidenciam a importância do tratamento da água para consumo da população deste estudo, em conformidade com as normas contidas na Portaria MS no 518/2004, que estabelece procedimentos para controle e vigilância da qualidade da água para consumo humano, visando manter um padrão de potabilidade. Também revelam a necessidade de que as políticas públicas na área da saúde e meio ambiente encontrem medidas intersetoriais voltadas para as populações da zona rural, no que se refere ao saneamento ambiental, que é uma das principais bases da promoção da saúde humana
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.12.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PRADO, Eliana Leão do; TAKAYANAGUI, Angela Maria Magosso. Qualidade da água utilizada por uma população de zona rural de Fortaleza de Minas - MG: um risco à saúde pública. 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-14012011-100546/ >.
    • APA

      Prado, E. L. do, & Takayanagui, A. M. M. (2010). Qualidade da água utilizada por uma população de zona rural de Fortaleza de Minas - MG: um risco à saúde pública. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-14012011-100546/
    • NLM

      Prado EL do, Takayanagui AMM. Qualidade da água utilizada por uma população de zona rural de Fortaleza de Minas - MG: um risco à saúde pública [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-14012011-100546/
    • Vancouver

      Prado EL do, Takayanagui AMM. Qualidade da água utilizada por uma população de zona rural de Fortaleza de Minas - MG: um risco à saúde pública [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-14012011-100546/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020