Exportar registro bibliográfico

Laser de diodo de alta potência como adjunto ao tratamento periodontal: ensaio clínico randomizado (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: ALVES, VANESSA TUBERO EUZéBIO - FO
  • Unidade: FO
  • Sigla do Departamento: ODE
  • Subjects: DOENÇAS PERIODONTAIS; LASER (ODONTOLOGIA); BACTÉRIAS (ODONTOLOGIA)
  • Language: Português
  • Abstract: O laser de diodo de alta potência tem sido estudado em Periodontia para redução microbiana como coadjuvante ao tratamento não cirúrgico. O objetivo deste ensaio clínico aleatório de boca-dividida foi avaliar a redução bacteriana e as mudanças nos parâmetros clínicos periodontais promovidas pela raspagem, associada ao laser de diodo de alta potência. Foram selecionados trinta e seis (36) pacientes, de ambos os sexos e portadores de periodontite crônica. Cada paciente forneceu um par de dentes unirradiculares contralaterais com profundidade clínica de sondagem (PCS) 5mm. Os pacientes passaram por tratamento periodontal prévio e em seguida os dentes experimentais foram divididos em dois grupos: teste e controle. Ambos receberam raspagem, alisamento e polimento coronário radicular (RAPCR), sendo que apenas o grupo teste recebeu a irradiação do laser de diodo (1,5W, contínuo, 1.193,7 W/cm2, 20 segundos) em duas sessões, com intervalo de uma semana. Os parâmetros clínicos e microbiológicos foram coletados no início e 6 semanas após o tratamento. Houve redução significativa para todos os parâmetros clínicos estudados em ambos o grupos, entretanto os parâmetros PCS e Nível Clínico de Inserção (NCI) demonstraram melhora estatisticamente significante no grupo controle quando comparado ao grupo teste. Em relação às Unidades Formadoras de Colônias (UFCs) de bactérias totais (BT) e pigmentadas de preto (BPP) foi observada redução em ambos os grupos, porém sem diferença significanteentre eles. Não houve diferença significativa entre os grupos em relação à presença de Aggregatibacter actinomycetemcomitans (A. actinomycetemcomitans) e Prevotella intermedia (P. intermedia), entretanto a redução no número de pacientes que apresentaram Porphyromonas gingivalis (P. gingivalis) foi significativamente maior no grupo controle. Foi concluído que a irradiação do laser de diodo de alta potência, em bolsas de dentes unirradiculares, não proporcionou melhora clínica e microbiológica adicional ao procedimento convencional
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.09.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALVES, Vanessa Tubero Euzébio; MICHELI, Giorgio de. Laser de diodo de alta potência como adjunto ao tratamento periodontal: ensaio clínico randomizado. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23146/tde-09112010-104443/ >.
    • APA

      Alves, V. T. E., & Micheli, G. de. (2010). Laser de diodo de alta potência como adjunto ao tratamento periodontal: ensaio clínico randomizado. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23146/tde-09112010-104443/
    • NLM

      Alves VTE, Micheli G de. Laser de diodo de alta potência como adjunto ao tratamento periodontal: ensaio clínico randomizado [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23146/tde-09112010-104443/
    • Vancouver

      Alves VTE, Micheli G de. Laser de diodo de alta potência como adjunto ao tratamento periodontal: ensaio clínico randomizado [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23146/tde-09112010-104443/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021