Exportar registro bibliográfico

Utilização de uma membrana derivada do látex natural (hevea brasiliensis) na reneração do nervo ciático de rato (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: GANGA, MARCOS VINICIUS MUNIZ - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCA
  • Subjects: NERVOS PERIFÉRICOS (LESÕES); LATEX; MEMBRANAS VEGETAIS (USO)
  • Language: Português
  • Abstract: Lesões de nervos periféricos são frequentes na prática médica e, embora a utilização de auto-enxertos continue sendo o padrão "ouro" para o reparo das lesões com distanciamento entre os cotos proximal e distal, técnicas alternativas têm sido propostas para evitar complicações ao sitio doador e acelerar o processo de regeneração nervosa. Uma membrana produzida a partir de um látex natural foi utilizada com sucesso tanto experimentalmente (arterioplastias, neoformação de esôfago, reconstituição da conjuntiva ocular), quanto clinicamente (miringoplastias, tratamento de úlceras cutâneas), demonstrando potencial angiogênico e indutor de neofommação tecidual. O propósito deste trabalho foi de avaliar a capacidade da membrana de látex natural em acelerar e melhorar a qualidade da regeneração do nervo ciática seccionados de ratos. Foram utilizados 40 ratos machos de linhagem Wistar, com peso de 250g (+/- 20g), clinicamente sadios distribuídos em 4 grupos experimentais igual número cada um (n=10), anestesiados e operados com auto-enxerto, e com interposição de um tubo confeccionado com uma membrana derivada do látex natural (Hevea brasilienses) de acordo com o grupo experimental 4 e 8 semanas submetidos a Avaliação da função neurológica, avaliação da marcha por impressão das pegadas e avaliação por eletroneuromiografia. Ao final dos tempos experimentais (4 ou 8 semanas), os animais de cada grupo foram mortos, por uma dose excessiva de anestésico e dessangramento. Ao final dos tempos experimentais, os animais de cada grupo foram mortos, por uma dose excessiva de anestésico e dessangramento o nervo ciático, o tubo e os músculos tibiais anterior e gastrocnêmicos foram retirados, processados para inclusão orientada em parafina, secção transversal de suas fibras e observação sob microscopia de luz para análise morfológica e morfométrica, avaliando-se o padrão deregeneração nervosa induzido pela membrana de látex, quando comparado com o enxerto do nervo autólogo. Para comprovar que os ratos operados com Látex se recuperam mais rapidamente que os operados com nervo autólogo foi utilizado o Teste T. Com base no teste t* a um nível de significância estipulado de 98% (Erro I = 2%), e nas tabelas com as médias das amostras dos 2 grupos comprovou-se que os ratos operados com Látex possuíam melhor taxa de recuperação que os operados com o nervo autólogo, dadas maiores taxas de utilização da pata operada. Na morfologia o grupo em que se utilizou a membrana também obteve maior regeneração do nervo ciático operado. Concluiu-se que a capacidade de regeneração da membrana de látex é maior que o auto-enxerto do nervo ciático de ratos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.05.2010

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GANGA, Marcos Vinicius Muniz; LOPES, Luiza da Silva. Utilização de uma membrana derivada do látex natural (hevea brasiliensis) na reneração do nervo ciático de rato. 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010.
    • APA

      Ganga, M. V. M., & Lopes, L. da S. (2010). Utilização de uma membrana derivada do látex natural (hevea brasiliensis) na reneração do nervo ciático de rato. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Ganga MVM, Lopes L da S. Utilização de uma membrana derivada do látex natural (hevea brasiliensis) na reneração do nervo ciático de rato. 2010 ;
    • Vancouver

      Ganga MVM, Lopes L da S. Utilização de uma membrana derivada do látex natural (hevea brasiliensis) na reneração do nervo ciático de rato. 2010 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021