Exportar registro bibliográfico

Expressão de mucinas e survivina de acordo com os estágios morfogenéticos de glândulas salivares humanas em desenvolvimento (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: LOURENÇO, SILVIA VANESSA - FO
  • Unidade: FO
  • Subjects: SALIVA; ENZIMAS; DESENVOLVIMENTO HUMANO
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivos: Mucinas são glicoproteínas que protegem superfícies mucosas de influências ambientais adversas e que podem facilitar processos secretórios glandulares. Fatores anti-apoptóticos, como survivina, são expressos principalmente em tecidos embrionários, participando do seu processo de desenvolvimento. O objetivo deste estudo é entender os padrões de expressão das mucinas e da survivina em glândulas salivares humanas em desenvolvimento e sua relação com a morfologia e maturação dessas glândulas. 2. Materiais e Métodos Fragmentos da cavidade oral de 20 fetos humanos, provenientes de abortos naturais, entre a 4ª e a 24ª semana de gestação foram obtidos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, de acordo com o Comitê de Ética da instituição. Todos os espécimes foram fixados em formalina 10% por 24 horas e embebidos em parafina. Depois, eles foram histologicamente processados, seccionados e corados com hematoxilina e eosina para posterior análise em imunohistoquímica. Na imunohistoquímica, os espécimes das glândulas salivares foram desparafinizados, rehidratados e submetidos ao anticorpo. Depois, eles foram incubados em peróxido de hidrogênio aquoso 3% por 15 minutos, para impedir a atividade da peroxidase endógena, e em ‘Protein Block Serum-Free’ (DakoCytomation, Carpinteria, CA, USA) por 20 minutos em temperatura ambiente, para suprimir ligações inespecíficas de reagentes subseqüentes. Em seguida, fez-se uma incubação dos cortes com o anticorpo primário por 2 horas em temperatura ambiente. Os complexos antígeno-antcorpos foram visualizados com o sistema Advance (DakoCytomation, Carpinteria, CA, USA), seguido pela incubação com DAB 3’3 (DakoCytomation, Carpinteria, CA, USA) por 5 minutos. Os cortes foram, então, corados com hematoxilina de Mayer, desidratados e montados nas lâminasResultados e discussão: Dentre os 6 tipos de mucinas analisadas, MUC-1, -2, -3, -4, -5 e -6, apenas MUC-1, -3 e -4 apresentaram expressão relevante nos espécimes de glândulas salivares humanas em desenvolvimento. MUC-1 e -4 apresentaram-se, predominantemente, no lúmen dos ductos, o que sugere que elas auxiliem na canalização da estrutura ductal durante o desenvolvimento do tecido glandular. Por outro lado, MUC-3 está mais presente na região citoplasmática das células ductais, podendo estar relacionado com o controle de suas atividades. A survivina expressou-se positiva em quase todas as fases de desenvolvimento da glândula, principalmente na canalização ductal. Na fase de citodiferenciação, em que as unidades secretoras terminais estão praticamente formadas, a presença dessa proteína é bem limitada, o que confirma sua pouca participação em tecidos bem desenvolvidos. 4. Conclusões Em conjunto, essas e outras proteínas atuam efetivamente no desenvolvimento das glândulas salivares humanas, cada uma agindo de maneira complementar à outra, dando a conformação final do tecido glandular adulto
  • Imprenta:
  • Source:
    • Título do periódico: resumo
    • Volume/Número/Paginação/Ano: Ribeirão Preto : USP, 2009
  • Conference titles: Simpósio Internacional de Iniciação Científica

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TESHIMA, Tathyane Harumi Nakajima; LOURENÇO, Sílvia Vanessa. Expressão de mucinas e survivina de acordo com os estágios morfogenéticos de glândulas salivares humanas em desenvolvimento. Anais.. Ribeirão Preto: [s.n.], 2009.
    • APA

      Teshima, T. H. N., & Lourenço, S. V. (2009). Expressão de mucinas e survivina de acordo com os estágios morfogenéticos de glândulas salivares humanas em desenvolvimento. In resumo. Ribeirão Preto.
    • NLM

      Teshima THN, Lourenço SV. Expressão de mucinas e survivina de acordo com os estágios morfogenéticos de glândulas salivares humanas em desenvolvimento. resumo. 2009 ;
    • Vancouver

      Teshima THN, Lourenço SV. Expressão de mucinas e survivina de acordo com os estágios morfogenéticos de glândulas salivares humanas em desenvolvimento. resumo. 2009 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021