Exportar registro bibliográfico

Estudo comparativo entre a capsulorrafia com sutura simples e com âncora em quadris de coelhos (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: GARCIA FILHO, FERNANDO CAL - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MOT
  • Subjects: QUADRIL (CIRURGIA); BIOMECÂNICA; COELHO NOVA ZELÂNDIA
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: A displasia do desenvolvimento do quadril (DDQ) é uma das patologias mais relevantes e polêmicas que acometem as crianças desde o nascimento. A anatomia tridimensional, a complexidade da articulação do quadril, o pouco conhecimento sobre o potencial de remodelação acetabular após luxação ou sub-luxação e as sequelas na marcha e na movimentação suscitam várias discussões sobre esse tema. A revisão bibliográfica a respeito dos diferentes tipos de capsulorrafia é muito pouco discutida entre os pesquisadores. Técnicas menos agressivas e que possibilitem maior resistência à recidiva da luxação após a redução cruenta devem ser pesquisadas. OBJETIVO: a presente pesquisa busca, por meio de ensaios biomecânicos, comparar as capsulorrafias com sutura simples e com âncoras, em quadris de coelhos. MATERIAL E MÉTODO: Foram utilizados 13 coelhos, 26 quadris, todos machos da raça Nova Zelândia albinos (Oryctolagus cuniculus). Inicialmente, realizamos um projeto piloto em três coelhos (06 quadris). Este experimento constou de 10 coelhos, divididos em 02 grupos: o grupo 1 submetido à capsulorrafia (quadris direito e esquerdo) com sutura simples utilizando fio absorvível de ácido poliglicólico e o grupo 2 submetido a capsulorrafia (quadris direito e esquerdo) com âncora de titânio. Após o período de quatro semanas de operados, todos animais foram submetidos à eutanásia e seus quadris congelados. Após um descongelamento prévio das peças no mesmo dia das análises biomecânicas, foram (Continua)(Continuação) avaliados os parâmetros da rigidez (Rig), força máxima (Fmax), deformidade máxima (Dmax) e energia (E). RESULTADO: não houve diferença estatisticamente significante em relação à força no limite de proporcionalidade, rigidez e força máxima entre os grupos com sutura simples e com âncora. CONCLUSÃO: Por meio dos ensaios biomecânicos, tendo como parâmetro a rigidez (Rig), força máxima (Fmax), deformidade máxima (Dmax) e energia (E), ficou demonstrado que as capsulorrafias em quadris de coelhos com sutura simples e com âncora são semelhantes entre si
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.07.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GARCIA FILHO, Fernando Cal; GUARNIERO, Roberto. Estudo comparativo entre a capsulorrafia com sutura simples e com âncora em quadris de coelhos. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-24082010-171112/ >.
    • APA

      Garcia Filho, F. C., & Guarniero, R. (2010). Estudo comparativo entre a capsulorrafia com sutura simples e com âncora em quadris de coelhos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-24082010-171112/
    • NLM

      Garcia Filho FC, Guarniero R. Estudo comparativo entre a capsulorrafia com sutura simples e com âncora em quadris de coelhos [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-24082010-171112/
    • Vancouver

      Garcia Filho FC, Guarniero R. Estudo comparativo entre a capsulorrafia com sutura simples e com âncora em quadris de coelhos [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-24082010-171112/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021