Exportar registro bibliográfico

Caracterização das tempestades a partir dos canais infravermelho e vapor d'água do Satélite GOES 10 e 12 / (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: FERNANDES, DIEGO SIMÕES - IAG
  • Unidade: IAG
  • Sigla do Departamento: ACA
  • Subjects: PRECIPITAÇÃO ATMOSFÉRICA (PREVISÃO); INFRAVERMELHO; VAPOR ATMOSFÉRICO; PREVISÃO DO TEMPO; METEOROLOGIA COM SATÉLITE
  • Language: Português
  • Abstract: O conhecimento das diferenças entre as propriedades fisicas dos sistemas convectivos que se tornam tempestades e sistemas convectivos que não se tornaram é de suma importância para a previsão da ocorrência destas tempestades. A previsão destes eventos é fundamental para que os prejuizos socioeconômicos sejam minimizados. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho é caracterizar as diferenças entre estes dois tipos de sistemas (com e sem tempestades). Para tanto, dados do satélite geoestacionário GOES e dados de descargas atmosféricas registrados por sensores na superfície foram utilizados. Essa base de dados correspondeu a um período de mais de 3 anos (entre dezembro de 2005 e maio de 2009). A análise dos resultados revelou que os Sistemas Convectivos que se tornam tempestades têm um pico de ocorrência às 17 TMG para os meses de verão, outono e primavera. Nos meses de inverno, um horário preferencial para o "nascimento" destes Sistemas Convectivos não foi observado. Analisando os parâmetros morfológicos e radiativos dos Sistemas Convectivos, observou-se que os sistemas apresentam diferenças nas propriedades quando é identificada atividade elétrica. Os tamanhos médios dos Sistemas convectivos que se tornam tempestades foram sempre maiores durante todo o ciclo de vida destes sistemas. As diferenças de temperatura de brilho entre os canais de vapor d'água e infravermelho revelam que as frações das nuvens de sistemas com raios foram maiores quanto menor a diferença entre as temperaturas dos canais (WV-IR). Foi observado que o número de ocorrência de raios foi maior quanto menor as diferenças das temperaturas dos canais WV e IR. Os resultados obtidos neste trabalho avaliaram as propriedades físicas dos Sistemas Convectivos (com tempestades) para que dessa maneira, essas informações possam ser utilizadas para melhorar a prevsão das tempestades severas.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.04.2010

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERNANDES, Diego Simões; RODRIGUEZ, Carlos Augusto Morales. Caracterização das tempestades a partir dos canais infravermelho e vapor d'água do Satélite GOES 10 e 12 /. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo,, 2010.
    • APA

      Fernandes, D. S., & Rodriguez, C. A. M. (2010). Caracterização das tempestades a partir dos canais infravermelho e vapor d'água do Satélite GOES 10 e 12 /. Universidade de São Paulo, São Paulo,.
    • NLM

      Fernandes DS, Rodriguez CAM. Caracterização das tempestades a partir dos canais infravermelho e vapor d'água do Satélite GOES 10 e 12 /. 2010 ;
    • Vancouver

      Fernandes DS, Rodriguez CAM. Caracterização das tempestades a partir dos canais infravermelho e vapor d'água do Satélite GOES 10 e 12 /. 2010 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021