Exportar registro bibliográfico

Estudo analítico dos flavonoides dos frutos do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener) (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: ZERAIK, MARIA LUIZA - IQSC
  • Unidade: IQSC
  • Subjects: MARACUJÁ; FLAVONÓIDES; ANTIOXIDANTES
  • Language: Português
  • Abstract: Atualmente tem-se dado grande ênfase aos alimentos funcionais, pois atuam na prevenção e auxiliam na recuperação de várias doenças, como doenças inflamatórias crônicas, cardiovasculares e câncer, por apresentarem principalmente flavonoides, que previnem lesões oxidativas, propiciando benefícios à saúde. O Brasil é o maior produtor mundial do maracujá, e em vista disto é de suma importância o desenvolvimento de métodos analíticos e estudos de atividade antioxidante e anti-inflamatória do fruto de maracujá, visando sua possível utilização como alimento funcional e produção de possíveis fármacos. Passiflora edulis Sims. f. flavicarpa Degener, conhecida como maracujá azedo ou amarelo é a espécie mais cultivada e comercializada no Brasil. Desta forma, os objetivos deste trabalho foram: desenvolver e validar um método analítico por CLAE-UV/DAD (cromatografia líquida de alta eficiência acoplada detector de arranjo de fotodiodos) para quantificação da flavona isoorientina, presente na polpade P. edulis; quantificação dos flavonoides totais desta espécie, usando um padrão de baixo custo (rutina); comparar as técnicas CLAE e CCDAE (cromatografia em camada delgada de alta eficiência) e analisar a isoorientina nas cascas dos frutos de P. edulis infectada com o vírus PWV e cascas sadias por CCDAE; quantificar as proteínas totais e avaliar as atividades antioxidantes e anti-inflamatória dos extratos de cascas de P. edulis e da polpa dos frutos de P. edulis e P. alata,empregando-se o método do DPPH\2022, e os ensaios de QLluc (quimioluminescencia dependente de lucigenina), ELISA (Enzyme Linked Immunosorbent Assay), e SIEFED (Specific Immunologic Extraction Followed by Enzymatic Detection). ) Os resultados mostraram que o método desenvolvido por CLAE-UV/DAD foi adequado e eficiente para quantificação de isoorientina e de flavonoides totais na polpa de P. edulis, apresentando especificidade, linearidade, exatidão, precisão, dentro das faixas internacionalmente aceitas. Além disso, este método foi aplicado com sucesso nas análises de flavonoides em cascas de P. edulis e polpa de P. alata. O trabalho mostrou as vantagens da utilização da técnica CCDAE, como a realização de análises mais rápida e econômica, com baixo consumo de solvente e resíduos gerados frente à CLAE-UV/DAD. Por meio da técnica CL-EM/EM (cromatografia líquida acoplada à espectrometria de massas em tandem) foi possível identificar as flavonas isoorientina e isovitexina na polpa de P. edulis. Os extratos de cascas de P. edulis apresentaram maior capacidade redutora de radicais (método do DPPH\2022), seguido das polpas de P. edulis e P. alata, respectivamente. Os extratos de cascas também mostraram maior inibição da produção de EROs (espécies reativas de oxigênio) pelos neutrófilos ativados e da atividade da MPO (mieloperoxidase) isolada, porém verificou-se que todos os extratos testados não modificaram a desgranulação dos neutrófilos, nãoinfluenciando a liberação de MPO no plasma. Assim, concluiu-se que a atividade antioxidante pode estar diretamente relacionada com a concentração de isoorientina presente nos extratos. A grande quantidade de proteínas e isoorientina encontrada nas cascas de P. edulis, se comparada à polpa de P. edulis, aliada à elevada atividade antioxidante e anti-inflamatória, sugere o potencial das cascas de P. edulis como um alimento funcional, ou como possível fonte de flavonoides naturais para a produção de fármacos, sugerindo assim o aproveitamento deste grande resíduo industrial
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.04.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ZERAIK, Maria Luiza; YARIWAKE, Janete Harumi. Estudo analítico dos flavonoides dos frutos do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener). 2010.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-02072010-075816/ >.
    • APA

      Zeraik, M. L., & Yariwake, J. H. (2010). Estudo analítico dos flavonoides dos frutos do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener). Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-02072010-075816/
    • NLM

      Zeraik ML, Yariwake JH. Estudo analítico dos flavonoides dos frutos do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener) [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-02072010-075816/
    • Vancouver

      Zeraik ML, Yariwake JH. Estudo analítico dos flavonoides dos frutos do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener) [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-02072010-075816/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020