Exportar registro bibliográfico

Crescimento das emissões otoacústicas evocadas - produto de distorção: estudo em neonatos (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: ALMEIDA, PATRICIA PINHEIRO DE - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: 020
  • Subjects: EMISSÕES OTOACÚSTICAS; TESTES AUDIOLÓGICOS; AUDIÇÃO; RECÉM-NASCIDO
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A presença das emissões otoacústicas indica a atividade de mecanismos biológicos ativos dentro da cóclea, a função de Células Ciliadas Externas. Com a medida das emissões otoacústicas - produto de distorção (EOAPD) é possível verificar o crescimento da resposta de acordo com a intensidade do estímulo sonoro apresentado (curva de crescimento). Objetivo: Verificar o limiar e a curva de crescimento de resposta das EOAPD de acordo com a intensidade do estímulo sonoro, e correlacionar a amplitude das emissões otoacústicas transientes (EOAT) com o limiar das EOAPD. Métodos: Foram estudados 51 neonatos, com idade entre 24 e 84 horas de vida sem indicadores de risco para deficiência auditiva, avaliados no período de internação após nascimento no Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Inicialmente foi realizada a captação das EOAT e em seguida as curvas de crescimento das EOAPD nas frequências de 2kHz e 4kHz, no intervalo entre 35 e 70 dBNPS - nível de intensidade dos estímulos. Resultados: Não houve diferença estatística significante entre sexo e orelhas, porém houve discreta vantagem de orelha direita e sexo feminino, tanto nos limiares quanto nas amplitudes de respostas. As médias dos limiares variaram de 47,55 a 49,85 dB em 2kHz e 55,52 a 59,94 dB em 4kHz. As amplitudes variaram de 6,67 a 8,27 dB.em 2kHz e de 6,99 a 11,35 dB.em 4kHz. Conclusão: O procedimento foi viável para a população neonatal que revelou limiares médios de até 60 dB para as duas frequências estudadas. Houve ainda correlação entre EOAT e limiar das EOAPD, quanto maior a amplitude das EOAT menor o limiar de surgimento das EOAPD
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.03.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALMEIDA, Patricia Pinheiro de; CARVALLO, Renata Mota Mamede de. Crescimento das emissões otoacústicas evocadas - produto de distorção: estudo em neonatos. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-19042010-111414/ >.
    • APA

      Almeida, P. P. de, & Carvallo, R. M. M. de. (2010). Crescimento das emissões otoacústicas evocadas - produto de distorção: estudo em neonatos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-19042010-111414/
    • NLM

      Almeida PP de, Carvallo RMM de. Crescimento das emissões otoacústicas evocadas - produto de distorção: estudo em neonatos [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-19042010-111414/
    • Vancouver

      Almeida PP de, Carvallo RMM de. Crescimento das emissões otoacústicas evocadas - produto de distorção: estudo em neonatos [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-19042010-111414/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020