Exportar registro bibliográfico

Relação K:Ca e aplicação de silício na solução nutritiva para o cultivo hidropônico de coentro (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: DONEGA, MATEUS AUGUSTO - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LPV
  • Subjects: COENTRO; HIDROPONIA; HORTALIÇAS (QUALIDADE); PRODUÇÃO VEGETAL
  • Language: Português
  • Abstract: manejo da solução nutritiva leva em consideração as concentrações e as relações entre os nutrientes para a obtenção de elevada produtividade e qualidade das hortaliças cultivadas em sistemas hidropônicos. A relação adequada entre K e Ca é fundamental para tornar máxima a absorção desses elementos, uma vez que o excesso de K pode reduzir a absorção de Ca e viceversa. Além dos elementos considerados essenciais, os benéficos como o silício pode estimular a absorção de outros nutrientes, dentre eles o cálcio, aumentar a produtividade e a durabilidade pós-colheita dos produtos. Esse trabalho teve por objetivo avaliar a influência das relações K:Ca 0,75:1,0; 1,25:1,0 e 1,5:1,0 e da aplicação de silício (0 e 56 mg L-1) via solução nutritiva, no crescimento, na produtividade, na marcha de absorção de nutrientes aos 7, 14, 21 e 28 dias após o transplante das mudas (DAT), e na da qualidade pós-colheita do coentro Português Pacífico, cultivado em sistema hidropônico NFT. O experimento foi conduzido em blocos ao acaso, em um fatorial 3x2 (três relações K:Ca: 0,75:1,0; 1,25:1,0 e 1,50:1,0 e dois níveis de Si: 0 e 56 mg L-1), em esquema de parcelas subdivididas no tempo, avaliadas em quatro épocas (7, 14, 21 e 28 dias após transplante das mudas DAT). As relações K:Ca de 1,25:1,0 e 1,50:1,0 originaram plantas mais vigorosas quanto à altura, massa fresca e seca da parte aérea e das raízes, área foliar e número de folhas. O Si aumentou a massa fresca da parte aérea e das raízes e o número de folhas aos 28 DAT. A relação K:Ca 0,75:1,0 na presença de Si proporcionou maior número de estômatos na face abaxial da folha. A maior espessura do parênquima lacunoso foi obtida na K:Ca 1,5:1,0. Na presença de Si, a relação K:Ca 1,5:1,0 foi a que gerou maior espessura do parênquima paliçádico e do mesófiloA ordem de extração tanto na parte aérea como nas raízes foi: K > N > Ca > P > Mg > S. O acúmulo de N, P, K, Ca, Mg, S e Si pela parte aérea representou 85%, 79,9%, 89,2%, 86,4%, 77,8%, 82,3% e 58,1%, respectivamente, em relação ao total. Nos três dias de armazenamento do coentro ocorreu menor perda de massa nos tratamentos que receberam silício em solução nutritiva
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.02.2010
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DONEGÁ, Mateus Augusto; MELLO, Simone da Costa. Relação K:Ca e aplicação de silício na solução nutritiva para o cultivo hidropônico de coentro. 2010.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-25022010-080813/ >.
    • APA

      Donegá, M. A., & Mello, S. da C. (2010). Relação K:Ca e aplicação de silício na solução nutritiva para o cultivo hidropônico de coentro. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-25022010-080813/
    • NLM

      Donegá MA, Mello S da C. Relação K:Ca e aplicação de silício na solução nutritiva para o cultivo hidropônico de coentro [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-25022010-080813/
    • Vancouver

      Donegá MA, Mello S da C. Relação K:Ca e aplicação de silício na solução nutritiva para o cultivo hidropônico de coentro [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-25022010-080813/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021