Exportar registro bibliográfico

Rede social e relacionamento entre irmãos: a perspectiva da criança em acolhimento institucional (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: ALMEIDA, IVY GONÇALVES DE - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: CRIANÇAS ABRIGADAS; IRMÃOS; INTERAÇÃO SOCIAL (COMPORTAMENTO SOCIAL)
  • Language: Português
  • Abstract: De acordo com o ECA, entidades que desenvolvem programa de abrigamento devem adotar, dentre alguns princípios, condutas que visem a preservação dos vínculos familiares e o não desmembramento de grupos de irmãos. Todo ser humano tem necessidade de estabelecer ligações afetivas e na separação ou ausência de um adulto de referência com o qual a criança já tenha estabelecido algum vínculo afetivo, é provável que ela estabeleça com seus pares, com seus irmãos este tipo de relação. Considerando que uma das principais causas de abrigamento de crianças é a negligência, causada predominantemente por dificuldades decorrentes da pobreza, pode-se esperar que quando um grupo de irmãos é abrigado, essas crianças muito provavelmente trazem consigo uma vivência que fez com que os irmãos ocupassem um lugar importante em suas vidas. Porém, há poucas pesquisas sobre o relacionamento entre irmãos em situação de abrigamento. Pautando-se na perspectiva da Rede de Significações, esta pesquisa teve como objetivo conhecer a rede social de crianças em acolhimento institucional, buscando investigar, sob a perspectiva da criança, como os irmãos e outras pessoas aparecem na rede. A pesquisa foi realizada em três abrigos, tendo sido entrevistados sete grupos de irmãos, num total de 18 crianças com idades entre de 6 a 12 anos. Foram realizados quatro encontros com cada criança, sendo que para a coleta de dados foi utilizada, como instrumento principal, uma entrevista com o intuito de conhecer quema criança procura em determinadas situações relacionadas às funções de cuidados e atividades diárias (F1), proteção (F2), educação (F3), apoio emocional e relação afetiva (F4), e brincadeira e lazer (F5). Complementarmente, foram utilizados desenho e uma adaptação do Four Field Map. Todos os encontros contaram com material lúdico de apoio (família de bonecos e material para desenho). Para contextualizar esses dados foram entrevistados doze funcionários dos abrigos, além de serem realizadas notas de campo. A análise dos dados centrou-se, principalmente, em uma adaptação da Social Network Matrixs, a qual foi montada a partir das informações coletadas através da entrevista realizada com as crianças, possibilitando análises quantitativas e qualitativas. Os resultados indicaram que a rede social das crianças é composta principalmente por pessoas do abrigo e da família. Pessoas do contexto escolar são pouco mencionadas. Os irmãos são os membros da família mais citados, principalmente no que diz respeito ao exercício das funções F2, F4 e F5. Além disso, os irmãos mais velhos e os que estão acolhidos na mesma instituição são os mais mencionados. A organização da estrutura e da rotina da instituição pautada na faixa etária das crianças, não privilegia a manutenção ou desenvolvimento dos vínculos afetivos entre grupos de irmãos. Os resultados sinalizam a importância do relacionamento entre irmãos, bem como da proximidade entre eles para sua manutenção.Assim, apontam a necessidade dos abrigos reverem efetivamente suas concepções e práticas relacionadas ao acolhimento de grupos de irmãos. Sugerem também a necessidade dos abrigos viabilizarem formas de ampliação da rede social das crianças acolhidas institucionalmente. O papel inclusivo da escola também precisa ser revisto
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.10.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALMEIDA, Ivy Gonçalves de; ROSSETTI-FERREIRA, Maria Clotilde. Rede social e relacionamento entre irmãos: a perspectiva da criança em acolhimento institucional. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Almeida, I. G. de, & Rossetti-Ferreira, M. C. (2009). Rede social e relacionamento entre irmãos: a perspectiva da criança em acolhimento institucional. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Almeida IG de, Rossetti-Ferreira MC. Rede social e relacionamento entre irmãos: a perspectiva da criança em acolhimento institucional. 2009 ;
    • Vancouver

      Almeida IG de, Rossetti-Ferreira MC. Rede social e relacionamento entre irmãos: a perspectiva da criança em acolhimento institucional. 2009 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021