Exportar registro bibliográfico

Aspectos pragmáticos da linguagem de crianças com síndrome de Down: comparação de duas situações (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: CUNHA, ELIZA PORTO DA - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MPM
  • Subjects: SÍNDROME DE DOWN; LINGUAGEM; DESENVOLVIMENTO DA LINGUAGEM; COMUNICAÇÃO; CRIANÇAS
  • Language: Português
  • Abstract: Ao estudar o desenvolvimento da linguagem de crianças com síndrome de Down são vários os autores que concordam que todos os aspectos formais, tais como, fonologia, morfossintaxe e gramática, estão alterados nesses indivíduos. Além dos aspectos formais, alguns estudos tentam descrever como ocorre o uso funcional da linguagem nessas crianças. Esta pesquisa tem como objetivo verificar os aspectos pragmáticos da linguagem de crianças com síndrome de Down em duas situações. Para tanto, foram realizados dois estudos. O Estudo 1 teve como objetivo descrever o perfil funcional da comunicação de crianças com síndrome de Down. Participaram desse estudo 15 crianças com síndrome de Down, com idades entre quatro e seis anos e 11 meses. Foi filmada a interação de cada criança com seu terapeuta e os dados foram analisados para traçar o perfil comunicativo de cada uma delas. A maioria das crianças ocupou espaço comunicativo semelhante ao do terapeuta e houve predomínio de atos comunicativos produzidos com função interpessoal As funções comunicativas mais utilizadas foram reconhecimento do outro, comentário e performativo. Ocorreu variedade no modo comunicativo utilizado pelas crianças e este influenciou de forma significante a ocupação do espaço comunicativo, a produção de atos comunicativos por minuto e as funções utilizadas. O Estudo 2 teve como objetivo comparar o desempenho comunicativo dessas crianças em duas situações: interação com o terapeuta(situação A) e interação com o cuidador (situação B). Os sujeitos desse estudo foram os mesmos do Estudo 1, os quais foram filmados em brincadeira espontânea com seus cuidadores. Após análise dos dados, os resultados obtidos no Estudo 1, que compuseram a situação A, foram comparados com os resultados obtidos na situação B. Foi observado que a maioria das crianças apresentaram desempenho semelhante nas duas situações. ) Foi possível constatar que independente do interlocutor, as crianças com SD apresentaram competência comunicativa, sendo capazes de iniciar e manter a comunicação, utilizando os modos comunicativos de forma semelhante e produzindo atos comunicativos com as mesmas funções comunicativas independente da situação. Foi observado também que o nível econômico e o grau de escolaridade do cuidador foram os fatores que mais apresentaram relação com o desempenho comunicativo da criança, tanto na situação A quanto na situação B
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.09.2009
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CUNHA, Eliza Porto da; LIMONGI, Suelly Cecilia Olivan. Aspectos pragmáticos da linguagem de crianças com síndrome de Down: comparação de duas situações. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-07122009-192609/ >.
    • APA

      Cunha, E. P. da, & Limongi, S. C. O. (2009). Aspectos pragmáticos da linguagem de crianças com síndrome de Down: comparação de duas situações. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-07122009-192609/
    • NLM

      Cunha EP da, Limongi SCO. Aspectos pragmáticos da linguagem de crianças com síndrome de Down: comparação de duas situações [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-07122009-192609/
    • Vancouver

      Cunha EP da, Limongi SCO. Aspectos pragmáticos da linguagem de crianças com síndrome de Down: comparação de duas situações [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-07122009-192609/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021