Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo histológico do tecido conjuntivo areolar perifascial implantado em pregas vocais de coelhos (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: HACHIYA, ADRIANA - FM
  • Unidades: FM
  • Sigla do Departamento: MOF
  • Subjects: CORDAS VOCAIS; TRANSPLANTE AUTÓLOGO; COLÁGENO; CICATRIZ; HISTOLOGIA; MODELOS ANIMAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Apesar do grande avanço da laringologia nas últimas décadas, o tratamento da rigidez da prega vocal continua sendo um desafio. Ela estar associada a alterações estruturais mínimas como no sulco vocal profundo ou decorrente da fibrose cicatricial como nos casos de cicatriz pós-operatória. Em ambos os casos, há perda dos elementos da matriz extracelular da camada superficial da lâmina própria (Espaço de Reinke) que se encontra substituída por tecido cicatricial. O objetivo do tratamento é recuperar a deficiência volumétrica e restabelecer a microarquitetura histológica da prega vocal. O tecido areolar perifascial constitui uma excelente alternativa por suas propriedades viscoelásticas semelhantes à da camada superficial da lâmina própria, por sua fácil obtenção e baixo custo. O objetivo deste estudo foi avaliar as alterações histológicas que ocorrem no enxerto e na prega vocal enxertada e comparar os resultados encontrados com a prega vocal contralateral, submetida apenas à manipulação cirúrgica. Trinta coelhos foram submetidos ao procedimento cirúrgico que consistiu na confecção de um bolsão na lâmina própria de ambas as pregas vocais. O enxerto foi colocado na prega vocal direita e a prega esquerda utilizada como controle. Os animais foram divididos randomicamente em três grupos diferindo no tempo da análise histológica: 15 dias (Grupo I), três meses (Grupo II) e seis meses (Grupo III). Foram avaliados os aspectos histopatológicos gerais, quantificado, pelométodo de Picrossírius-polarização, as fibras colágenas no interior do enxerto e na cicatriz cirúrgica e realizada análise semiquantitativa do processo inflamatório. ) Observou-se uma mudança gradual do enxerto com aumento progressivo da densidade das fibras colágenas no interior do enxerto e uma mudança progressiva do padrão de birrefringência das mesmas, de um predomínio de fibras colágenas amarelo-esverdeadas para um predomínio de fibras laranja-avermelhadas. A aplicação do teste estatístico Anova one-way mostrou um aumento estatisticamente significativo da densidade de colágeno total no interior do enxerto entre os animais dos Grupos I e II (p=0.001) e um aumento significativo da porcentagem de fibras laranja-avermelhadas entre o Grupo II e III (p=0.001). A densidade do colágeno na região adjacente ao enxerto na prega vocal enxertada foi estatisticamente maior que a densidade de colágeno na incisão cirúrgica na prega vocal controle em todos os grupos de estudo (p?0.001). A aplicação do Teste de Fisher na análise semiquantitativa do processo inflamatório não evidenciou diferença estatisticamente significativa entre a prega vocal enxertada e a prega vocal controle em nenhum dos tempos estudados. Entretanto, quando avaliamos o processo inflamatório temporalmente para cada prega vocal evidenciamos uma diminuição significativa do processo inflamatório entre os animais do grupo de 15 dias e três meses (p=0.032 para o grupo enxertado e p=0.035 para o grupocontrole). Nossos achados sugerem que o tecido areolar perifascial apresenta baixa tendência a promover reação inflamatória e permanece na prega vocal por pelo menos seis meses. Entretanto, há uma importante mudança da composição do colágeno dentro do enxerto apontando que outros estudos devem ser realizados para avaliar seu papel no tratamento da rigidez da prega vocal
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.09.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      HACHIYA, Adriana; TSUJI, Domingos Hiroshi. Estudo histológico do tecido conjuntivo areolar perifascial implantado em pregas vocais de coelhos. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5143/tde-23032010-110220/ >.
    • APA

      Hachiya, A., & Tsuji, D. H. (2009). Estudo histológico do tecido conjuntivo areolar perifascial implantado em pregas vocais de coelhos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5143/tde-23032010-110220/
    • NLM

      Hachiya A, Tsuji DH. Estudo histológico do tecido conjuntivo areolar perifascial implantado em pregas vocais de coelhos [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5143/tde-23032010-110220/
    • Vancouver

      Hachiya A, Tsuji DH. Estudo histológico do tecido conjuntivo areolar perifascial implantado em pregas vocais de coelhos [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5143/tde-23032010-110220/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019