Exportar registro bibliográfico

Participação social: a comunicação que aproxima e distancia usuários e trabalhadores da Saúde da Família (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: LONGHI, MARCELEN PALÚ - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERM
  • Subjects: ATENÇÃO À SAÚDE; SAÚDE DA FAMÍLIA; PARTICIPAÇÃO COMUNITÁRIA
  • Language: Português
  • Abstract: Esta pesquisa tem como objeto de estudo a dinâmica de colegiados da saúde, com destaque para a comunicação entre usuários e trabalhadores de saúde, vista como horizonte operativo da participação, em espaços concretos na Estratégia Saúde da Família (ESF). A ESF está pautada nos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), especialmente no da participação social, regulamentado pela legislação sanitária, por meio de Conferências e Conselhos de Saúde. Os Conselhos de Saúde e colegiados similares são espaços nos quais deve ser fomentada a participação da sociedade civil para atuar sobre as políticas públicas. A literatura aponta limites dos fóruns da saúde, com ênfase para o predomínio da concepção biologicista e curativista de saúde, da comunicação impositiva, prescritiva e da falta de capacitação para o exercício da participação social; e potencialidades como maior integração entre usuários e entre esses e trabalhadores de saúde. Para a realização desta pesquisa, nos baseamos em aproximações com a Teoria da Ação Comunicativa de Jürgen Habermas que compreende a comunicação como um acordo intersubjetivo entre os sujeitos e a participação social como a relação entre a sociedade civil e política, no âmbito do Estado Ampliado. A pesquisa possui abordagem qualitativa, com a realização de cinco observações participantes de colegiados em uma Unidade de Saúde da Família e 14 entrevistas semiestruturadas com os participantes que apresentavam maior frequência nesses espaços, sendoseis com trabalhadores de saúde e oito com usuários, num município do interior paulista. Empregou-se a Análise de Conteúdo, modalidade temática, para interpretar o material empírico, a partir do qual se constituíram a caracterização dos sujeitos do estudo e a comunicação nos espaços de participação. As comunicações nos colegiados revelam duas dimensões que geram: distanciamento e aproximações entre os ) sujeitos e destes com o processo de participação. Quanto à comunicação que causa distanciamentos, os resultados mostraram que o silenciamento dos usuários nos espaços de discussão se relaciona a sua inserção social, a desencontros relacionais, ao uso de linguagem técnica e codificada pelos trabalhadores que, geralmente, controlam e definem o que pode ser discutido nos colegiados e evidenciam que há distanciamentos/rupturas de horizontes. Em relação às ações que provocam aproximações entre os sujeitos, a pesquisa aponta que nos colegiados são fomentadas as interações entre trabalhadores e usuários, havendo fusões/encontros de horizontes, e são discutidos problemas locais, sendo práticas que corroboram com o princípio da participação social na Saúde da Família. Consideramos que os limites presentes podem ser problematizados com os sujeitos que conduzem esse processo, a fim de imprimir-lhes uma nova direção, que há linhas de fugas que permitem a possibilidade da construção de projetos coletivos de felicidade, por meio do diálogo intersubjetivo, baseado noreconhecimento do outro como sujeito
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.06.2009
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LONGHI, Marcelen Palú; PALHA, Pedro Fredemir. Participação social: a comunicação que aproxima e distancia usuários e trabalhadores da Saúde da Família. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-18082009-124224/ >.
    • APA

      Longhi, M. P., & Palha, P. F. (2009). Participação social: a comunicação que aproxima e distancia usuários e trabalhadores da Saúde da Família. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-18082009-124224/
    • NLM

      Longhi MP, Palha PF. Participação social: a comunicação que aproxima e distancia usuários e trabalhadores da Saúde da Família [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-18082009-124224/
    • Vancouver

      Longhi MP, Palha PF. Participação social: a comunicação que aproxima e distancia usuários e trabalhadores da Saúde da Família [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-18082009-124224/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021