Exportar registro bibliográfico

Aspectos clínicos das disfunções temporomandibulares e das cefaléias antes e após lobectomia temporal para tratamento de epilepsia refretária (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: PIZZO, RENATA CAMPI DE ANDRADE - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RNP
  • Subjects: EPILEPSIA DO LOBO TEMPORAL; PROCEDIMENTOS NEUROCIRÚRGICOS; CEFALEIA (ESTUDO CLÍNICO); DISFUNÇÃO TEMPOROMANDIBULAR
  • Language: Português
  • Abstract: As disfunções temporomandibulares (DTM) e as cefaléias são dores orofaciais que apresentam grande prevalência e incidência na população. Estas condições podem ser incapacitantes e representam um problema de saúde contemporâneo. A dor pós-cirúrgica é um importante sinal clínico que tem recebido muita atenção recentemente. Há na literatura uma carência de estudos prospectivos longitudinais que mostram a incidência de cefaléia e de dores orofaciais por DTM após craniotomias. O objetivo deste estudo foi avaliar a ocorrência de DTM e cefaléia antes e após realização de lobectomia temporal em pacientes com epilepsia do lobo temporal refratária ao tratamento farmacológico. Foram incluídos no estudo 70 pacientes oriundos do Ambulatório de Epilepsia de Difícil Controle (AEDC- HC FMRP/USP) refratários ao tratamento farmacológico e que seriam submetidos a lobectomia temporal no serviço de Neurocirurgia do HCFMRP/USP. Os instrumentos de avaliação usados foram questionários específicos para DTM (RDC/TMD -eixo I) e para cefaléia (Questionário HCFMRP/USP), sendo aplicados em três momentos: A1 (2 a 5 dias antes da cirurgia), A2 (um mês após a alta hospitalar pós-cirúrgica) e A3 (seis meses após a cirurgia). Além dos escores do RDC/TMD -eixo I, alguns itens (dor na face, dor mastigatória, hábito parafuncional, padrão de abertura bucal, amplitude dos movimentos mandibulares, palpação dos músculos temporal, masseter, pterigoideos e palpação da região das articulaçõestemporomandibulares) foram analisados individualmente. A análise estatística mostrou diferenças significativas entre as avaliações em todos os parâmetros avaliados. Observou-se um aumento da intensidade dolorosa em toda musculatura palpada e uma diminuição da amplitude dos movimentos mandibulares nas avaliações A2 e A3. Houve mudança nos padrões de abertura bucal com desvios apontando para o lado operado. As disfunções musculares foram predominantes, 30 (42,9%) com dor miofascial. Observou-se também que nas avaliações A2 e A3 a freqüência e intensidade da cefaléia aumentou, bem como uma tendência à lateralização da dor para o lado em que a neurocirurgia foi realizada. Ocorreu uma mudança nos padrões de cefaléia após a cirurgia. Concluímos que ocorreu um aumento da freqüência e da intensidade das DTMs e cefaléias em relação temporal com a cirurgia. Tanto as DTMs como as cefaléias surgiram preferentemente do lado em que foi executada a cirurgia. Após a cirurgia, o diagnóstico das DTMs (RDC/TMD) apontou prevalência das disfunções musculares e aumentou a prevalência das cefaléias do tipo migranosa e não classificáveis, segundo a Classificação Internacional das Cefaléias
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.05.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PIZZO, Renata Campi de Andrade; SPECIALI, José Geraldo. Aspectos clínicos das disfunções temporomandibulares e das cefaléias antes e após lobectomia temporal para tratamento de epilepsia refretária. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Pizzo, R. C. de A., & Speciali, J. G. (2009). Aspectos clínicos das disfunções temporomandibulares e das cefaléias antes e após lobectomia temporal para tratamento de epilepsia refretária. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Pizzo RC de A, Speciali JG. Aspectos clínicos das disfunções temporomandibulares e das cefaléias antes e após lobectomia temporal para tratamento de epilepsia refretária. 2009 ;
    • Vancouver

      Pizzo RC de A, Speciali JG. Aspectos clínicos das disfunções temporomandibulares e das cefaléias antes e após lobectomia temporal para tratamento de epilepsia refretária. 2009 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021