Exportar registro bibliográfico

Qualidade de vida relacionada à saúde de profissionais de enfermagem e erros de medicação em unidades de terapia intensiva (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PELLICIOTTI, JOSIKéLEM DA SILVA SODRé - EE
  • Unidades: EE
  • Sigla do Departamento: ENC
  • Subjects: QUALIDADE DE VIDA; CONDIÇÕES DE SAÚDE; ERROS DE MEDICAÇÃO; UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo transversal teve como objetivos: caracterizar os erros de medicação relatados por profissionais de enfermagem que atuam em UTI; comparar os dados sócio-demográficos, do trabalho e da qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) dos profissionais envolvidos e não envolvidos com erros de medicação em UTI; verificar se os domínios da QVRS são fatores independentes associados aos erros de medicação em UTI. Foram pesquisados 94 profissionais de enfermagem de três UTIs (duas de adultos e uma pediátrica) de um hospital privado do município de São Paulo, sendo 39 enfermeiros (41,5%) e 55 técnicos de enfermagem (58,5%). Os dados socio-demográficos, do trabalho e os relacionados aos erros de medicação foram registrados em instrumentos próprios. A QVRS foi avaliada com a versão em português do instrumento SF-36. Os profissionais foram comparados em dois grupos, segundo o relato de terem ou não cometido erros de medicação nas quatro semanas anteriores à pesquisa. Regressão logística univariada e múltipla foram utilizadas para análise da relação entre as variáveis. A maioria dos profissionais era do sexo feminino (79,8%), com idade média de 33 anos (dp=6,45), casada ou com companheiro (52,1%). A renda familiar per capita foi de ROs erros mais freqüentes foram os da fase de administração (67,8%). Entre os profissionais que cometeram erros, todos os escores do SF-36 foram significativamente menores. Na análise múltipla, o domínio Aspectos Emocionais e os turnos de trabalho da tarde e da noite mostraram associação significativa com erro de medicação, como fatores de proteção. Os resultados deste estudo trazem subsídios para a adoção de medidas ) institucionais especificamente direcionadas às necessidades dos profissionais de enfermagem, contribuindo, desta forma, para uma assistência mais segura aos pacientes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.02.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PELLICIOTTI, Josikélem da Silva Sodré; KIMURA, Miako. Qualidade de vida relacionada à saúde de profissionais de enfermagem e erros de medicação em unidades de terapia intensiva. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-14052009-104817/ >.
    • APA

      Pelliciotti, J. da S. S., & Kimura, M. (2009). Qualidade de vida relacionada à saúde de profissionais de enfermagem e erros de medicação em unidades de terapia intensiva. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-14052009-104817/
    • NLM

      Pelliciotti J da SS, Kimura M. Qualidade de vida relacionada à saúde de profissionais de enfermagem e erros de medicação em unidades de terapia intensiva [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-14052009-104817/
    • Vancouver

      Pelliciotti J da SS, Kimura M. Qualidade de vida relacionada à saúde de profissionais de enfermagem e erros de medicação em unidades de terapia intensiva [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-14052009-104817/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019