Exportar registro bibliográfico

Estudo da tendência das lesões dentárias traumáticas em crianças de 5 a 59 meses de idade. Diadema - São Paulo (2008)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BONINI, GABRIELA AZEVEDO DE VASCONCELOS CUNHA - FO
  • Unidades: FO
  • Sigla do Departamento: ODO
  • Subjects: TRAUMATISMOS DENTÁRIOS; EPIDEMIOLOGIA BUCAL; SAÚDE BUCAL; DENTE DECÍDUO
  • Language: Português
  • Abstract: As Lesões Dentárias Traumáticas (LDTs) tem apresentado com uma expressiva prevalência em diversos países. Estudos epidemiológicos de traumatismo dentário são importantes para determinar a prevalência da doença e estabelecer estratégias de promoção de saúde. Na literatura não se encontra nenhum estudo na dentição decídua comparando a prevalência em diferentes momentos em uma determinada população. O objetivo desse estudo foi: 1) Determinar a prevalência e distribuição das LDTs em pré-escolares no município de Diadema no ano de 2006 e investigar a associação das LDTs com maloclusões e fatores sócioeconômicos; 2) estudar a tendência da prevalência de LDTs em crianças pré-escolares no Município de Diadema-SP baseado em três estudos transversais conduzidos em 2002, 2004 e 2006. Estes três estudos foram realizados por meio de três levantamentos epidemiológicos em crianças de 5 59 meses de idade utilizando à mesma metodologia. Cirurgiões dentistas treinados examinaram respectivamente 915, 1138 e 1265 crianças nos anos de 2002, 2004 e 2006. As amostras foram selecionadas durante as Campanhas Nacionais de Vacinação Infantil. As LDTs foram diagnosticadas de acordo com a Classificação de Ellis modificada (1952), adicionando-se a esse critério a alteração de cor na coroa do dente. No levantamento de 2006 as crianças foram avaliadas quanto às maloclusões (mordida aberta anterior, selamento labial inadequado e sobressaliência acentuada). Uma entrevista foirealizada com a mãe ou responsável pela criança para a coleta das informações sócio-econômicas utilizando-se o Índice de Jarman (1983). Utilizou-se na análise estatística o teste Qui-Quadrado, regressão logística univariada e multivariada e o teste Qui-quadrado para tendência. Os resultados do estudo de 2006 mostraram uma prevalência de 13,9%. O incisivo central superior foi o dente mais afetado sem diferença entre os lados ) direito e esquerdo. Não se encontrou diferença estatisticamente significante entre meninas e meninos. O trauma mais comum foi fraturas de esmalte (10,8%); seguida de alteração de cor (2,3%); fratura de esmalte e dentina (1,4%); ausência do dente (0,7%) e fístula (0,2%). Crianças com mordida aberta anterior, trespasse horizontal acentuado e selamento labial inadequado tiveram maior número de trauma quando comparadas com crianças com oclusão normal (p<0,05). Fatores sócioeconômicos não mostraram associação estatisticamente significante com a ocorrência de LDTs. Em relação ao estudo de tendência: as prevalências de LDTs obtidas foram 9,4% em 2002, 12,9% em 2004 e 13,9% em 2006. A análise da tendência mostrou um aumento na prevalência das LDTs estatisticamente significante entre os estudos de 2002 e 2006 (p=0,002). Pode-se observar que houve um aumento significativo da prevalência entre 2002 e 2004 (p = 0,012), porém entre 2004 e 2006 o aumento não foi estatisticamente significante (p = 0,500). Quando cada um dos estudos foi avaliadoindividualmente, confirmou-se o aumento estatisticamente significante na porcentagem de crianças com LDTs de acordo com o aumento da faixa etária (p<0,001)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.09.2008
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BONINI, Gabriela Azevedo de Vasconcelos Cunha; BÖNECKER, Marcelo. Estudo da tendência das lesões dentárias traumáticas em crianças de 5 a 59 meses de idade. Diadema - São Paulo. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23132/tde-21012009-142302/ >.
    • APA

      Bonini, G. A. de V. C., & Bönecker, M. (2008). Estudo da tendência das lesões dentárias traumáticas em crianças de 5 a 59 meses de idade. Diadema - São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23132/tde-21012009-142302/
    • NLM

      Bonini GA de VC, Bönecker M. Estudo da tendência das lesões dentárias traumáticas em crianças de 5 a 59 meses de idade. Diadema - São Paulo [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23132/tde-21012009-142302/
    • Vancouver

      Bonini GA de VC, Bönecker M. Estudo da tendência das lesões dentárias traumáticas em crianças de 5 a 59 meses de idade. Diadema - São Paulo [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23132/tde-21012009-142302/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020