Exportar registro bibliográfico

No man is an island: John Donne e a poética da agudeza na Inglaterra no século XVII (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: FIORUSSI, LAVINIA SILVARES - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLM
  • Subjects: POESIA; RETÓRICA
  • Language: Português
  • Abstract: Esta tese se propõe examinar a poesia de John Donne (1572-1631) na perspectiva de um âmbito mais amplo de práticas representativas dos meios letrados das cortes do século XVII. Pressupondo a vigência de uma instituição retórica cujos preceitos condicionavam a prática poética, adota-se uma metodologia de pesquisa que flexibiliza os limites classificatórios da historiografia oitocentista posteriormente impostos aos poetas do século XVII. Assim, procede-se a uma análise retórico-poética da poesia de Donne, particularmente, mas também de seus coetâneos George Chapman, Fulke Greville, William Shakespeare e outros considerando os gêneros e estilos de suas composições, as espécies de agudeza que efetuavam, a adequação dos conceitos que formulavam como ornato dialético enigmático e a legibilidade que constituíam nas obras. Propõe-se uma investigação dos pressupostos doutrinários vigentes na época que significam as práticas representativas e as categorias que a envolvem, como a conceituação de que a poesia vernacular culta se define como prática de emulação da poesia greco-latina em seu elenco de autoridades; de que a preceituação vernacular analogamente se define como prática de emulação da preceitução antiga em seus postulados diversos; que a prática de emulação é ativa e não pressupõe cópia servil, mas variação dos argumentos de um mesmo lugar de invenção e variação do tópico elocutório, assumindo a versatilidade das operações retórico-poéticas como prova deengenho e arte. Tendo como força determinante a valoração do wit (engenho; ingenio; ingegno) nos meios letrados do século XVII, esta tese considera sempre que pode as práticas poéticas e preceptivas continentais, cruzando-as com suas contrapartes inglesas, buscando definir os critérios variados de recepção da poesia e os preceitos em uso que constituem a poética da agudeza
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.09.2008
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FIORUSSI, Lavinia Silvares; MILTON, John. No man is an island: John Donne e a poética da agudeza na Inglaterra no século XVII. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-30032009-161853/ >.
    • APA

      Fiorussi, L. S., & Milton, J. (2008). No man is an island: John Donne e a poética da agudeza na Inglaterra no século XVII. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-30032009-161853/
    • NLM

      Fiorussi LS, Milton J. No man is an island: John Donne e a poética da agudeza na Inglaterra no século XVII [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-30032009-161853/
    • Vancouver

      Fiorussi LS, Milton J. No man is an island: John Donne e a poética da agudeza na Inglaterra no século XVII [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-30032009-161853/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021