Exportar registro bibliográfico

Interpretação quantitativa de campos de potencial espontâneo na perfilagem geofísica de poços (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: DOTTI, GLAUCIA CECOTTO - IAG
  • Unidade: IAG
  • Sigla do Departamento: AGG
  • Subjects: GEOFÍSICA APLICADA; PETRÓLEO; ÁGUAS SUBTERRÂNEAS
  • Language: Português
  • Abstract: Potenciais elétricos espontâneos (PE) são frequentemente medidos na geofísica de poço para identificar camadas permiáveis e a composição dos fluidos em reservatórios (petróleo) e equíferos (água subterrânea). O potencial medido resulta de dois processos. O primeiro é devido ao gradiente de concentração (potencial de junção líquida) existente entre soluções justapostas no ambiente do poço; o segundo é devido ao fenômeno da eletrocinese (potencial eletrocinético) observado quando um fluido infiltra por um meio poroso. O potencial eletrocinético é aproximadamente dez vezes menor que o potencial de junção líquida e frequentemente é desconsiderado quando a concentração de água de formação é avaliada. Em muitos casos, no entanto, existem evidências de que a contribuição do potencial eletrocinético, sugerindo que se devidamente identificado, ele poderia ser utilizado tanto para melhorar as estimativas de concentração quanto para fornecer informações referentes às propriedades hidráulicas da formação. Métodos existentes para avaliar a permeabilidade das rochas em condições de poço são em geral complexos e a possibilidade de prever essas propriedades a partir de dados de perfilagem seria muito importante na avaliação de uma formação. Esta pesquisa propõe um procedimento para isolar parâmetros característicos do potencial de junção líquida e eletrocinético através da formulação de um problema inverso, a partir de um conjunto de dados compostos por repetidas medições (PE)para lamas de diferentes concentrações salinas. Este procedimento realça seletivamente a contribuição dos potenciais de junção líquida e eletrocinático no potencial resultante e permite estimar os parâmetros desconhecidos (queda de pressão e resistividade da água) em termos de um problema inverso. A viabilidade da técnica proposta é discutida com base em simulações numéricas e resultados preliminares de um experimento em escala realizado em Laboratório
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.09.2008

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DOTTI, Glaucia Cecotto; MENDONÇA, Carlos Alberto. Interpretação quantitativa de campos de potencial espontâneo na perfilagem geofísica de poços. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.
    • APA

      Dotti, G. C., & Mendonça, C. A. (2008). Interpretação quantitativa de campos de potencial espontâneo na perfilagem geofísica de poços. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Dotti GC, Mendonça CA. Interpretação quantitativa de campos de potencial espontâneo na perfilagem geofísica de poços. 2008 ;
    • Vancouver

      Dotti GC, Mendonça CA. Interpretação quantitativa de campos de potencial espontâneo na perfilagem geofísica de poços. 2008 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021