Exportar registro bibliográfico

Adhemar de Barros (1901-1969): a origem do "rouba, mas faz" (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: COTTA, LUIZA CRISTINA VILLAMéA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Assunto: CORRUPÇÃO (ASPECTOS SOCIOPOLÍTICOS)
  • Language: Português
  • Abstract: Médico por formação, Adhemar de Barros (1901-1969) revelou-se um político empreendedor e realizador de obras monumentais, como o Hospital das Clínicas e a rodovia Anchieta. Manteve essas características ao longo de mais de três décadas de uma trajetória que incluiu três períodos à frente do Executivo paulista, o primeiro como interventor federal nomeado por Getúlio Vargas e os outros dois na condição de governador eleito. Como homem público, pregava a defesa dos interesses das camadas menos privilegiadas da população e, por meio de ações paternalistas, angariava apoio popular. A fama de administrador ousado e dinâmico cresceu, no entanto, paralelamente às denúncias de corrupção em seus governos. Essas acusações apontavam para a cobrança de propina e o desvio sistemático de recursos públicos. Os casos mais rumorosos que protagonizou foram denunciados pelo jornalista Paulo Duarte e reverberados pelo governador Jânio Quadros. Envolviam a suposta apropriação de automóveis comprados pelo governo de São Paulo e o extravio de uma urna marajoara destinada ao Museu Paulista. Apesar da defesa que promoveu nos tribunais e junto à opinião pública, Adhemar jamais conseguiu dissociar sua reputação como empreendedor da pecha de peculatário, fenômeno sintetizado popularmente na frase rouba, mas faz. Tampouco conseguiu atingir sua principal meta: eleger-se presidente da República. Depois de duas tentativas fracassadas, preparava-se para disputar a terceira eleiçãopresidencial quanto foi cassado, em junho de 1966, pelo governo militar que ajudou a chegar ao poder
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.09.2008
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COTTA, Luiza Cristina Villaméa; COGGIOLA, Osvaldo Luis Angel. Adhemar de Barros (1901-1969): a origem do "rouba, mas faz". 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-09022009-103517/ >.
    • APA

      Cotta, L. C. V., & Coggiola, O. L. A. (2008). Adhemar de Barros (1901-1969): a origem do "rouba, mas faz". Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-09022009-103517/
    • NLM

      Cotta LCV, Coggiola OLA. Adhemar de Barros (1901-1969): a origem do "rouba, mas faz" [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-09022009-103517/
    • Vancouver

      Cotta LCV, Coggiola OLA. Adhemar de Barros (1901-1969): a origem do "rouba, mas faz" [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8137/tde-09022009-103517/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021