Exportar registro bibliográfico

Trabalho docente do enfermeiro e a Síndrome de Burnout: desafios e perspectivas (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: EBISUI, CÁSSIA TIÊMI NAGASAWA - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERP
  • Subjects: ENFERMAGEM; ENSINO PROFISSIONAL E TÉCNICO; SAÚDE OCUPACIONAL
  • Language: Português
  • Abstract: Síndrome de Burnout (SB), considerada um grande impacto na saúde do trabalhador do século XXI, constitui-se num fenômeno complexo e multidimensional, resultante da interação entre aspectos individuais e o ambiente do trabalho, interpretado como resposta ao estresse laboral crônico. O enfermeiro professor é duplamente vítima de fontes estressoras de ambas as áreas: Saúde e Educação. Para seu desempenho efetivo, dedica-se a uma função imprescindível para a continuidade da profissão de toda equipe de enfermagem. A SB pode acarretar prejuízo a si próprio, ao educando, ao cliente, às organizações e à sociedade em geral. O presente estudo teve como objetivo identificar e analisar as causas do desgaste profissional do enfermeiro professor, assim como avaliar a síndrome de Burnout em uma amostra de enfermeiros professores do ensino técnico de enfermagem do Centro Estadual de Educação Tecnológica do Estado de São Paulo, através do MBI-ES (Maslach Burnout Inventory- educators survey). Esta pesquisa, de caráter quantitativo e qualitativo, baseou-se em um estudo descritivo, exploratório e analítico. A coleta de dados foi dividida em duas partes. Na primeira, visando traçar o perfil do grupo pesquisado, seus hábitos de vida e dados relativos à área de atividade profissional, elaboramos uma entrevista semi-estruturada e aplicamos o inventário mundialmente conhecido, validado e adaptado no Brasil, o MBI-ES, específico para professores. Na segunda parte deste estudo, coletamosdados de docentes de enfermagem de uma Unidade Escolar de ensino técnico em Enfermagem, através de questões abertas. Pelo método quantitativo obtivemos os seguintes resultados: 3,1% apresentaram SB; 15,3% estão em alto risco; 38,5% em médio risco; e 43,1% em baixo risco de adquirirem SB. Em relação às dimensões, apresentaram médio e baixo nível de EE (exaustão emocional) e DE (despersonalização), sendo que ) 18,5% tiveram escores elevados na dimensão EE, e 16,9% na dimensão DE. Entretanto, na dimensão EP (envolvimento pessoal no trabalho), houve 43,1% de nível baixo, indicando ser esta a dimensão mais marcante, por ser analisada invertida. Pelo método qualitativo, através do levantamento das fontes estressoras como determinantes de ordem externa e interna, na sala de aula, na supervisão da prática e no relacionamento interpessoal, a pesquisa indicou obstáculos, que derivam de questões pessoais e situacionais que, se não forem transformados em desafios, tanto no plano individual como no coletivo, podem levar a problemas de saúde. Foram analisadas a satisfação e a insatisfação docentes, indicando a preocupação com os aspectos pedagógicos, o prazer e desprazer docente, a presença ou não de comprometimento levando às adversidades do sistema sócio-organizacional, ao cotidiano escolar, em relação ao professor e ao educando. Os esforços até aqui empreendidos pretendem encorajar e apoiar a excelência no ensino, estimular e incrementar o clima organizacional da escolapertinente ao trabalho docente, para que seja condição de realização e fonte de prazer laboral, a fim de manter um equilíbrio entre demanda, competência e condições de trabalho, e eliminar a anedonia laboral, buscando o reencantamento pela docência, desnaturalizado pela Síndrome de Burnout, seus antecedentes e consequentes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.12.2008
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      EBISUI, Cássia Tiêmi Nagasawa; BUENO, Sonia Maria Villela. Trabalho docente do enfermeiro e a Síndrome de Burnout: desafios e perspectivas. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-12012009-155856/ >.
    • APA

      Ebisui, C. T. N., & Bueno, S. M. V. (2008). Trabalho docente do enfermeiro e a Síndrome de Burnout: desafios e perspectivas. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-12012009-155856/
    • NLM

      Ebisui CTN, Bueno SMV. Trabalho docente do enfermeiro e a Síndrome de Burnout: desafios e perspectivas [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-12012009-155856/
    • Vancouver

      Ebisui CTN, Bueno SMV. Trabalho docente do enfermeiro e a Síndrome de Burnout: desafios e perspectivas [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-12012009-155856/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021