Exportar registro bibliográfico

Eles cuidam de crianças. Quem cuida deles? O sofrimento psíquico do professor na relação com a criança considerada agressiva (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: CASTRO, REBECA EUGÊNIA FERNANDES DE - IP
  • Unidade: IP
  • Sigla do Departamento: PSC
  • Subjects: AGRESSIVIDADE; CUIDADO DA CRIANÇA; INTERAÇÃO PROFESSOR ALUNO; SOFRIMENTO; VIOLÊNCIA ESCOLAR
  • Language: Português
  • Abstract: A expressão da tendência anti-social parece sinalizar um protesto contra uma privação vivida precocemente. Expressão que pode surgir quando a criança tem esperança de que o ambiente possa responder positivamente, restabelecendo o desenvolvimento emocional. Quando esta reivindicação não é atendida no seio familiar, seus efeitos podem se manifestar na escola. Apesar do crescimento da violência nas escolas, constata-se a necessidade de aprofundamento dos estudos, especialmente na perspectiva do professor, alvo do investimento pulsional das crianças. Este investimento se caracteriza não apenas por impulsos amorosos, mas também destrutivos. O presente estudo foi realizado em uma escola pública da periferia de São Paulo e faz parte de um projeto mais amplo de atendimento preventivo a crianças agressivas, suas famílias e educadores. A pesquisa objetivou analisar relatos de professores que trabalham diariamente com crianças agressivas e investigar o papel da agressividade infantil como fator de promoção do sofrimento psíquico nestes docentes. As formas instituídas no ambiente escolar para administrar a agressividade dos alunos foram levantadas, a partir da análise dos cadernos de ocorrência disciplinar, onde os professores registram os episódios de agressividade infantil. Também foram analisados os dados coletados nas entrevistas individuais com 12 professores de nível fundamental, distribuídos em função de três diferentes períodos na carreira. As entrevistas foramgravadas, transcritas e os dados categorizados considerando a freqüência simples de ocorrência. As respostas dos professores em diferentes períodos de carreira profissional também foram comparadas. Os resultados apontaram diferenças na percepção da agressividade infantil e nas estratégias de manejo utilizadas pelos educadores com menor e maior tempo de ensino. Constatou-se que sentimentos de ingratidão e rancor ) podem ser nutridos e agravados com o tempo, sinalizando a importância de uma intervenção que ajude a elaborar estes aspectos.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.03.2008
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CASTRO, Rebeca Eugênia Fernandes de; SOUZA, Maria Abigail de. Eles cuidam de crianças. Quem cuida deles? O sofrimento psíquico do professor na relação com a criança considerada agressiva. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-15122008-123651/ >.
    • APA

      Castro, R. E. F. de, & Souza, M. A. de. (2008). Eles cuidam de crianças. Quem cuida deles? O sofrimento psíquico do professor na relação com a criança considerada agressiva. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-15122008-123651/
    • NLM

      Castro REF de, Souza MA de. Eles cuidam de crianças. Quem cuida deles? O sofrimento psíquico do professor na relação com a criança considerada agressiva [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-15122008-123651/
    • Vancouver

      Castro REF de, Souza MA de. Eles cuidam de crianças. Quem cuida deles? O sofrimento psíquico do professor na relação com a criança considerada agressiva [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47133/tde-15122008-123651/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021