Exportar registro bibliográfico

Aplicação de peptídeos em cosméticos: desenvolvimento de formulações, estabilidade e eficácia (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: ANCONI, GLASIELA LEMOS - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: S/D
  • Subjects: PEPTÍDEOS (APLICAÇÕES); COSMÉTICOS (DESENVOLVIMENTO); ESTABILIDADE DOS MEDICAMENTOS
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo desta pesquisa foi o desenvolvimento, avaliação da estabilidade e da eficácia de formulações cosméticas contendo acetil hexapeptídeo-3 (AHP) ou acetil tetrapeptídeo-5 (A TP) ou mistura de di e tripeptídeos (DTP). Para tal, foram desenvolvidas 6 formulações à base hidroxietilcelulose (HEC), metilfenil polissiloxano (MFP) e álcool batílico e lecitina de soja (ABL) (FI), ou de HEC, MFP, ésteres de polietilenoglicol com cadeia alquílica com 12 a 20 carbonos (EP) (F2), ou de polímero de acrilatos (PA), MFP e ABL (F3) ou de PA, MFP e EP (F4), ou de HEC e MFP (F5) ou de PA e MFP (F6), contendo ou não (veículo) 10% de AHP, ou 10% de ATP ou 4% de DTP, as quais foram submetidas a um estudo de estabilidade física por determinação da reologia e a uma avaliação sensorial. Para o estudo de eficácia dos peptídeos objeto de estudo as formulações foram aplicadas nos antebraços, na face, na região dos olhos e da boca de 60 voluntárias, sendo realizdas medidas do conteúdo aquoso do estrato cómeo, da perda de água transepidérmica (TEWL), do micro-relevo cutâneo e das propriedades mecânicas da pele (anisotropia), antes (basal), após 2 horas da aplicação única (efeitos imediatos) e após 15 e 30 dias de uso contínuo (efeitos a longo prazo) das formulações. Os dados foram analisados estatisticamente pelo teste paramétrico análise de variância. Nos testes de estabilidade física, as formulações de 'n POT.os' 1, 2 e"5 foram consideradas as mais estáveis eas formulações de n° 5 e 6 foram as que apresentaram melhor sensorial, sendo, portanto, selecionada a formulação de n° 5 como veículo para os estudos de eficácia. Na avaliação dos efeitos imediatos na pele, observou-se que as formulações estudadas proporcionaram um aumento significativo no conteúdo aquoso do estrato cómeo dos antebraços, enquanto que, somente as formulações acrescidas dos peptídeos provocaram um aumento significativo neste conteúdo na face. Em relação ao ) micro-relevo cutâneo, as formulações contendo ou não os peptídeos provocaram uma redução do parâmetro Ser (aspereza da pele) e 'R IND.t'. (rugosidade) nos antebraços e a formulação contendo DTP provocou um efeito imediato significativo no-parâmetro 'Se IND.sm' (texturada pele). Na avali(ição dos efeitos a longo-prazo, as formulações OCasiOIlaI'aIIi--umadiminuição significativa na TEWL e as acrescidas dos peptídeos objetos de estudo proporcionaram um aumento significativo no conteúdo aquoso do estrato cómeo na região dos olhos, enquanto que nos antebraços e na região da boca todas as formulações acrescidas ou não dos peptídeos ocasionaram um aumento nesse parâmetro. Em relação ao micro-relevo cutâneo, a aplicação das formulações contendo os peptídeos, na região da boca, provocou um aumento significativo nos valores de Sesm. A aplicação das formulações contendo os peptídeos objeto de estudo, nos antebraços ocasionou uma diminuição significativa da anisotropia da pele. A formulação n° 5 contendo ospeptídeos objeto de estudo, apresentou efeitos imediatos na hidratação, aspereza, rugosidade e textura da pele e, efeitos a longo prazo, na hidratação, textura e anisotropia da pele, mostrando a importância do emprego destes peptídeos em produtos cosméticos com finalidades hidratantes e antienvelhecimento
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.09.2008
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANCONI, Glasiela Lemos; MAIA-CAMPOS, Patrícia Maria Berardo G. Aplicação de peptídeos em cosméticos: desenvolvimento de formulações, estabilidade e eficácia. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-31032009-144332/ >.
    • APA

      Anconi, G. L., & Maia-Campos, P. M. B. G. (2008). Aplicação de peptídeos em cosméticos: desenvolvimento de formulações, estabilidade e eficácia. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-31032009-144332/
    • NLM

      Anconi GL, Maia-Campos PMBG. Aplicação de peptídeos em cosméticos: desenvolvimento de formulações, estabilidade e eficácia [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-31032009-144332/
    • Vancouver

      Anconi GL, Maia-Campos PMBG. Aplicação de peptídeos em cosméticos: desenvolvimento de formulações, estabilidade e eficácia [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-31032009-144332/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021