Exportar registro bibliográfico

Intrusão estratosférica associada com ciclogêneses na Costa do Sul do Brasil :: uma análise utilizando o conceito de Vorticidade Potencial (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: IWABE, CLARA MIHO NARUKAWA - IAG
  • Unidade: IAG
  • Sigla do Departamento: ACA
  • Subjects: TURBULÊNCIA ATMOSFÉRICA; POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA; PREVISÃO DO TEMPO
  • Language: Português
  • Abstract: Estudos têm mostrado associação entre desenvolvimento de ciclones em superfície e interação estratosfera- troposfera, e revelam a importância do entendimento desta interação na previsão dos sitemas meteorológicos. O presente trabalho apresenta uma análise sinótica e dinâmica da contribuição da intrusão de ar estratosférico na troposfera para o desenvolvimento de um ciclone secundário em superfície. Este ciclone formou-se às 06:00 UTC do dia 17 de abril de 1999 na costa leste do Rio Grande do Sul, 30 horas após a ciclogênese principal. Do ponto de vista dinâmico existem diferenças fundamentais no processo de formação dos dois ciclones. O ciclone principal se desenvolveu sob a influência de um centro de forte advecção de vorticidade absoluta em 500 hPa, advecção quente e baroclinia moderada em superfície, seguindo a teoria de desenvolvimento clássico de Sutcliffe. O ciclone secundário se formou abaixo de um centro de máxima vorticidade ciclônica em 500 hPa e sob intensa advecção fria em superfície. O desenvolvimento secundário esteve associado com a intrusão de ar estratosférico caracterizado pela presença de anomalias de vorticidade potencial, ar seco e alta concentração de ozônio estratosférico na coluna atmosférica. Um núcleo de anomalia quente em altos níveis, associado com a anomalia de vorticidade potencia, ao ser advectado para sudeste contribuiu para a queda de altura geopotencial em toda a coluna troposférica, exatamente na área de desenvolvimento do ciclonesecundário. Nos níveis médios, uma baixa desprendida associada com a anomalia de vorticidade potencial, reduziu a velocidade de deslocamento do padrão da onda. Isto permitiu o aquecimento do ar frio em baixos níveis através de transferência de calor e umidade do oceano para a atmosfera, dando origem a uma zona baroclínica paralela à costa nos baixos níveis. O ciclone secundário desenvolveu-se do acoplamento entre a anomalia de ) vorticidade potencial em altos níveis e baroclinia em baixos níveis, criando uma coluna de vorticidade ciclônica em toda a troposfera. Do ponto de vista da previsão do tempo, a presente análise indica a importância do monitoramento da interação estratosfera-troposfera, que pode ser monitorada através de anomalias de vorticidade potencial em altos níveis, na formação de ciclones secundários sobre a costa leste do Sul do Brasil.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.06.2008

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      IWABE, Clara Miho Narukawa; ROCHA, Rosmeri Porfírio da. Intrusão estratosférica associada com ciclogêneses na Costa do Sul do Brasil :: uma análise utilizando o conceito de Vorticidade Potencial. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.
    • APA

      Iwabe, C. M. N., & Rocha, R. P. da. (2008). Intrusão estratosférica associada com ciclogêneses na Costa do Sul do Brasil :: uma análise utilizando o conceito de Vorticidade Potencial. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Iwabe CMN, Rocha RP da. Intrusão estratosférica associada com ciclogêneses na Costa do Sul do Brasil :: uma análise utilizando o conceito de Vorticidade Potencial. 2008 ;
    • Vancouver

      Iwabe CMN, Rocha RP da. Intrusão estratosférica associada com ciclogêneses na Costa do Sul do Brasil :: uma análise utilizando o conceito de Vorticidade Potencial. 2008 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021